O Syriza e a Nova Democracia continuam praticamente empatados nas sondagens, a oito dias das eleições antecipadas gregas. Apenas uma que dá uma vantagem de cinco pontos percentuais ao partido de esquerda.

Numa sondagem da Universidade da Macedónia para a cadeia privada Skai, o Syriza obtém 28,5% dos votos contra a Nova Democracia, que consegue 27,5%. Um outro estudo de opinião, do instituto GPO para a cadeia Mega, dá uma margem mínima de 0,2 pontos ao Syriza, que obtém 26% das intenções de voto, contra 25,8% para a Nova Democracia.

A sondagem do Metron Analysis, para o jornal Parapolitika, dá ao Syriza 25% e à Nova Democracia 24,7%. A sondagem do instituto Pro Rata, para o diário de esquerda Efimerida ton Syntaktón, é a única que se afasta desta tendência ao dar ao Syriza uma vantagem de cinco pontos percentuais, ou seja 28,5% contra os 23,5% dos conservadores.

Entretanto, todas as sondagens continuam a indicar o partido neonazi Aurora Dourada como terceira força, com uma percentagem de votos entre os 4,9% e 7%. Conforma as sondagens, a percentagem de indecisos varia entre 10% 15,5%.

Segundo a análise do GPO, a votação da Nova Democracia é muito mais estável que a do Syriza porque tem 80% de eleitores fiéis, enquanto a formação de Alexis Tsipras apenas tem 60%.