Dark Mode 114kWh poupados com o Asset 1
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Hoje é um bom dia para mudar os seus hábitos. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Eurosondagem: PS à frente com coligação a aproximar-se

Nova sondagem indica crescimento dos grandes partidos, separados agora por 0,5%. Todos os pequenos partidos descem, evidenciando a concentração do voto útil.

i

LUSA

LUSA

Tanto PS como a coligação sobem nas intenções de voto, na sondagem da Eurosondagem para o Expresso e a SIC divulgada esta sexta-feira. O PS passou de 35,5% para 36%, enquanto a coligação Portugal à Frente sobe de 34% para 35,5% – o que significa que os dois ganham terreno mas os partidos de coligação avançam mais depressa. Estão agora separados por 0,5%.

Nesta sondagem, os pequenos partidos descem. A CDU baixa para 10,1%, o BE para 5%, o PDR (de Marinho e Pinto) para 1,9% e o Livre (de Rui Tavares) para 1,5% – sinal de que o apelo dos grandes partidos ao voto útil estará a fazer efeito. Coligação e PS ganham dois pontos percentuais, enquanto que os pequenos todos juntos perdem 1 ponto percentual.

Tal como na sondagem da semana passada, a coligação consegue mesmo assim ter mais mandatos do que o PS. PSD e CDS juntos obtêm entre 100 a 103 deputados e os socialistas 97 a 102.

A margem de erro desta sondagem é de 2,49%, sendo que foram entrevistadas 1.467 pessoas (80% dos contactados).

A sondagem da Eurosondagem divulgada dia 18 de setembro fazia distribuição de mandatos e, embora o PS conseguisse mais votos, tinha menos mandatos que a coligação – conseguia eleger 95 a 101 deputados e a coligação, 99 a 102.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.