No palco que líderes políticos como Barack Obama e Vladimir Putin pisaram durante a conferência que reúne as 20 principais economias do mundo, houve uma surpresa de quatro patas (ou melhor, 12) no domingo de manhã: três gatos. O ambiente do G20 era de tensão, muito por causa dos atentados que assolaram Paris na sexta-feira, 13 de novembro, mas a presença dos três felinos acabou por provocar algumas gargalhadas, conta a NPR. 

Foi durante a conferência que teve lugar na cidade de Anatólia, Turquia, que o presidente russo, Vladimir Putin, declarou que são no mínimo 40 os países que financiam o Estado Islâmico, incluindo membros do G20. “O financiamento, como sabemos, provém de 40 países, entre eles vários países do G20”, disse Putin, citado pela agência Lusa.

O líder russo aproveitou também para mostrar imagens captadas por aviões espiões que mostram a magnitude que atinge o tráfico ilegal de petróleo” por parte do Estado Islâmico. Putin pediu ainda para que sejam reunidos esforços contra o terrorismo em todo o mundo.