O Presidente do Zimbabué está em Singapura por razões médicas, o que está a suscitar dúvidas entre a oposição zimbabueana sobre se Robert Mugabe, de 93 anos, ainda tem capacidade para governar o país.

Segundo a imprensa estatal, que cita uma declaração do Ministério da Informação local, o Presidente mais velho do mundo deixou Harare na sexta-feira passada para efetuar “exames de rotina” em Singapura, onde se deslocou pela terceira vez este ano, e regressará ao Zimbabué até ao final da semana.

Mugabe, no poder desde 1980, tinha previsto fazer uma intervenção num comício na próxima sexta-feira, evento que acabou por ser cancelado devido à deslocação a Singapura.

A oposição zimbabueana considera que Mugabe é um “Presidente não residente”, devido às frequentes ausências do país, manifestando dúvidas sobre se a saúde do chefe de Estado ainda lhe permite manter o controlo do país, convidando-o a resignar.

Mugabe já disse que vai recandidatar-se nas próximas eleições presidenciais, a realizar em 2018, sublinhando que continua apto para o fazer.