Vistos Gold

Processos para atribuição de vistos gold estão com atraso de três meses

Estrangeiros que queiram investir em Portugal estão a esperar mais do que o previsto para verem aprovado vistos gold. Isto depois de já terem investido o mínimo de 500 mil euros obrigatórios no país.

© Hugo Amaral/Observador

Para obter um visto gold em Portugal é obrigatório um investimento igual ou superior a 500 mil euros no país, mas além disso, agora os estrangeiros interessados em investir no país têm também de aguardar cerca de três meses para conseguirem uma reunião para entregar a documentação e dar início ao processo.

O atraso na respostas aos pedidos para uma Autorização de Residência para Atividade de Investimento em Portugal são avançados na edição do Diário de Notícia desta sexta-feira. O jornal dá conta de queixas de alguns advogados que apontam para um atraso que se terá agravado desde maio passado e dizem que quando ligam para a linha de atendimento do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras para tratarem do processo de estrangeiros interessados em investir no país ouvem que “a agenda de novembro ainda não está aberta”.

A mesma notícia cita o SEF a confirmar que “os agendamentos para atendimento no SEF de investidores e familiares no âmbito de primeiro pedido de ARI ou renovação, na área de Lisboa, que é a área de maior pressão, o tempo máximo de esperar para atendimento é de cerca de dois meses e meio, havendo outros locais no país onde é imediato”. Os advogados temem que isso leve alguns potencias investidores a desistirem de Portugal

O presidente do Sindicato dos Funcionários do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras estima que existam “uns quatro mil processos pendentes” e que os problemas começaram “há dois ou três meses”, logo depois de terminado o trabalho do Grupo Extraordinário de Recuperação de Pendências. O SEF explica que os inspetores que fizeram parte da equipa estão colocados “no aeroporto de Lisboa desde abril/junho”.

Entre janeiro e o final de julho, foram concedidas 1041 Autorizações de Residência para Investimento em Portugal. O valor do investimento ficou acima dos 655 milhões de euros, superior em 14,8% ao do ano anterior. Mas em julho deste ano o valor desceu 2,8% face ao mesmo mês de 2016.

Agora que entramos em 2019...

...é bom ter presente o importante que este ano pode ser. E quando vivemos tempos novos e confusos sentimos mais a importância de uma informação que marca a diferença – uma diferença que o Observador tem vindo a fazer há quase cinco anos. Maio de 2014 foi ainda ontem, mas já parece imenso tempo, como todos os dias nos fazem sentir todos os que já são parte da nossa imensa comunidade de leitores. Não fazemos jornalismo para sermos apenas mais um órgão de informação. Não valeria a pena. Fazemos para informar com sentido crítico, relatar mas também explicar, ser útil mas também ser incómodo, ser os primeiros a noticiar mas sobretudo ser os mais exigentes a escrutinar todos os poderes, sem excepção e sem medo. Este jornalismo só é sustentável se contarmos com o apoio dos nossos leitores, pois tem um preço, que é também o preço da liberdade – a sua liberdade de se informar de forma plural e de poder pensar pela sua cabeça.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Caso Vistos Gold

Um voto para 2019

Rita Fontoura
140

No nosso País um canalha cuja intenção não se possa provar é uma vítima do Ministério Público e do julgamento público e, coitado, deixa de poder fazer canalhices no lugar que ocupava

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)