Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Terá sido só do efeito Anitta, que atuou pela primeira vez em solo europeu, ou da overdose de pop dançante que tomou conta do cartaz deste segundo dia do Rock in Rio? Seja qual for o motivo, o público esteve à altura e explorou as milhares de possibilidades que o guarda-roupa de um festival de verão podia oferecer, a começar pela maquilhagem. O glitter, os pós de unicórnio e os brilhantes autocolantes preencheram rostos, braços e decotes, enquanto as lantejoulas dominaram o dress code. Parece que a época das lentes polarizadas já lá vai (tal como aconteceu com as coroas de flores). Transparentes e coloridos, os óculos foram o acessórios mais indispensável deste domingo soalheiro.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR