Ministério da Saúde

Resgate na Tailândia. Ministério da Saúde retira campanha polémica no Facebook

125

Promoção da aplicação de telemóvel MySNS usava o caso dos jovens resgatados na Tailândia. Críticas ao "mau gosto" e ao aproveitamento do Ministério levaram a apagar a campanha. "Fomos infelizes."

O post esteve na página de Facebook dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) apenas algumas horas. À boleia do resgate bem sucedido dos 12 rapazes tailandeses e do treinador, esta terça-feira, uma ilustração da gruta de Mae Sai com vultos de mergulhadores promovia o cartão da atividade física da aplicação para telemóvel “MySNS Carteira”.

Tenha o cartão de atividade física da MySNS Carteira e seja tão forte como os jovens da Tailândia“, lia-se no topo da ilustração.

A imagem foi partilhada ao final do dia e teve reação imediata na caixa de comentários. Vários utilizadores do Facebook não gostaram e sucederam-se as críticas ao ao “mau gosto” da publicação e ao “aproveitamento” de um caso tão sensível para uma campanha promocional.

Ainda durante a madrugada, o post foi apagado, para travar a polémica, mas a publicação acabou por ser registada numa imagem que continua a ser partilhada nas redes sociais.

“Fomos infelizes”, explicam os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde ao Observador. “Queríamos elogiar o heroísmo e a capacidade física daqueles jovens e não esperávamos esta reação.” Os serviços acrescentam que “comunicar é sempre um risco, sobretudo nas redes sociais”. “Quando percebemos o feedback negativo, decidimos retirar a imagem.”

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: soliveira@observador.pt
Saúde

ADSE ou Ai do Zé?

Fernando Leal da Costa
385

Sejamos claros. O fim da ADSE, um dos seguros mais importantes na saúde dos Portugueses, determinará um acelerar vertiginoso do colapso assistencial do SNS, com tempos de espera infindáveis.

ADSE

As guerras da saúde fazem sentido? /premium

Rui Ramos
346

Na cínica “ideologia do SNS” não temos qualquer preocupação com a saúde pública, mas um projecto de domínio da sociedade pelo poder político e ainda um cálculo eleitoral partidário. 

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)