Fruto da aliança com a Renault/Nissan, a Mercedes conseguiu ser o primeiro construtor premium a completar a sua oferta com uma pick-up. Mas a Classe X, ao contrário de outros modelos Mercedes, não vai ter direito a uma versão AMG. A hipótese chegou a ser aventada pelo responsável de desenvolvimento do modelo, Frank Schumacher, mas acabou por ser colocada de lado pelo próprio Tobias Moers, presidente da Mercedes-AMG.

Ora, à falta de um V8 biturbo AMG sob o capot, a Carlex Design decidiu propor uma Classe X muito mais radical. Mas mesmo muito. Lembra-se desta versão do Classe G?

Matacão. Mónaco corre com Mercedes G63 especial

À semelhança daquilo que a Brabus fez com um G63, a Carlex prepara-se para dotar a pick-up da Mercedes com um eixo extra. Mas não é só o 6×6 que promete fazer a diferença neste projecto pois, a avaliar pelas imagens libertadas pelo preparador, a Classe X vai ser “kitada” com uma série de acessórios que lhe reforçam a agressividade e o espírito intrépido desta versão off-road.

Além do duplo rodado na traseira, destacam-se as grandes entradas de ar à frente, bem como o guincho colocado bem no meio do pára-choques. A completar esta interpretação radical, uma faixa de LED no início do tejadilho, pneus todo-o-terreno, guarda-lamas com novas (e grandes) protecções e uma série de outros detalhes que reforçam a estética agressiva.

Mecanicamente, a Carlex ainda não abriu o jogo, mas provavelmente será o motor 3.0 V6 turbodiesel de 258 cv que vai empurrar este “monstro” com seis rodas. Certo é que este “pormenor” vai implicar a integração de um novo diferencial e caixa de transferências. A boa notícia é que o projecto vai sair do papel, com a Carlex a prometer converter o Exy 6×6 Concept em realidade já no próximo ano.