Após a goleada sofrida frente ao Barcelona este domingo – e apesar de ter orientado o treino dos merengues durante a manhã desta segunda-feira -, Julen Lopetegui vai mesmo ser despedido pela direção do Real Madrid e já não vai orientar a equipa durante os próximos jogos. Santiago Solari, antigo jogador do Real Madrid e atual treinador da equipa B, vai assumir interinamente o comando técnico dos merengues.

De acordo com o El Mundo, Florentino Pérez deve informar Julen Lopetegui da decisão ainda durante a tarde desta segunda-feira. Santiago Solari não vai ser apresentado oficialmente e vai assumir o comando da equipa já durante os próximos dois jogos: contra o Melilla, na quarta-feira, para a Taça do Rei, e no sábado, com o Valladolid, para o campeonato. O mais provável é que o argentino se mantenha em funções até à próxima paragem para os compromissos das seleções, a meio de novembro.

A nomeção de Santiago Solari enquanto treinador interino significa que as negociações com Antonio Conte, italiano que está sem clube desde que deixou o Chelsea no final da temporada passada, estão atrasadas. O argentino de 42 anos jogou no Real Madrid entre 2000 e 2005, antes de se transferir para o Inter Milão.

Julen Lopetegui chegou ao Real Madrid durante o verão, depois de uma saída atribulada do comando técnico da seleção espanhola antes ainda da La Roja se estrear no Mundial da Rússia. Depois de uma série de quatro derrotas em cinco jogos (derrota com Sevilha, CSKA, Alavés, e Levante e empate sem golos com o Atl. Madrid), o treinador espanhol pareceu ganhar uma bolha de oxigénio ao vencer o Viktoria Plzen na passada terça-feira, em jogo da fase de grupos da Liga dos Campeões. A goleada por 5-1 frente ao Barcelona, este domingo, terminou de vez com a paciência de Florentino Pérez e colocou um ponto final na ligação entre merengues e Lopetegui.