Rádio Observador

Street Style

A minha camisa é mais gira do que a tua. O estilo no 2º dia do Super Bock Super Rock

Ao segundo dia, os festivaleiros voltaram à carga na herdade. Entre visuais desportivos, quimonos e acessórios estrela, eis o melhor do street style no Super Bock Super Rock.

Segundo dia de música na Herdade do Cabeço da Flauta e uma visão difícil de digerir — muito menos público do que na última quinta-feira, arranque marcado pelo “efeito Lana”, e alguma dificuldade em avistar quem se destacasse na paisagem. Mas nada que umas quantas voltas ao perímetro não tenham resolvido. Phoenix e Kaytranada arrastaram a maioria dos festivaleiros até ao Meco. Encontrámos matches perfeitos — aparentemente, todos eles por acaso –, quimonos importados, escolhas despretensiosas, o clássico “betinho vintage” (influências dos Capitão Fausto) e visuais tão normais que viveram simplesmente de uma espécie de coolness natural. Talvez possamos chamar-lhe atitude ou personalidade.

Na fotogaleria, veja as imagens de street style do segundo dia da 25ª edição do Super Bock Super Rock.

Texto de Mauro Gonçalves, fotografia de Kimmy Simões.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mgoncalves@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)