Dark Mode 46,9 kWh poupados com o MEO
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Hoje é um bom dia para mudar os seus hábitos. Saiba mais

O seu filho tem medo de ir ao hospital? O Hospital dos Pequeninos pode ajudar

Iniciativa da Associação de Estudantes de Medicina no Pavilhão do Conhecimento é gratuita e visa crianças entre os três e os sete anos. Basta levar um boneco com um "dói-dói".

i

Estudantes de Medicina organizam inciativa

FRANCISCO ROMÃO PEREIRA/OBSERVADOR

Estudantes de Medicina organizam inciativa

FRANCISCO ROMÃO PEREIRA/OBSERVADOR

A ideia de ir ao médico ou mesmo ao hospital poder tornar-se assustadora para uma criança. Foi a partir desse pressuposto que a Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina de Lisboa ‘fundou’ o Hospital dos Pequeninos, uma atividade que pretende reduzir o “medo e ansiedade que as crianças sentem quando têm de ir a um Hospital ou quando são confrontadas com a presença de um profissional de saúde”, refere em comunicado.

A iniciativa, este domingo no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa, destina-se a crianças entre os três e os sete anos e é dinamizada por estudantes do curso de Medicina, que com os seus conhecimentos esperam ter o tratamento ideal para estas crianças perderem o medo do ambiente hospitalar, de uma forma lúdico-didática e adaptada à sua idade.

Para participarem, as crianças só precisam de levar um boneco que tenha um “dói-dói”, seja um peluche ou boneco. É o boneco que a criança decide levar que vai pela sua mão percorrer um conjunto de estações que simulam os diferentes serviços hospitalares: desde a sala de espera, passando pela sala de triagem,  à consulta e mesmo às análises clínicas, exames ou qualquer cirurgia que tenha que se sujeito.

Na edição de 2018 participaram mais de 2.000 crianças durante o período dedicado às escolas e várias centenas no Pavilhão do Conhecimento. O Pavilhão do Conhecimento abre as portas à iniciativa às 11h00 e fecha às 19h00.
A entrada é livre e gratuita.

Links promovidos

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.