O novo Volvo XC40 Recharge P8 AWD, esta é a denominação do primeiro eléctrico da marca sueca, tem previsto iniciar a produção em Setembro, na fábrica que o construtor possui em Ghent, na Bélgica. Mas isso não impede a marca de abrir já o período de encomendas, destinado a todos aqueles que querem estar entre os primeiros a poder conduzir o primeiro Volvo exclusivamente a bateria.

Estão previstas várias versões do XC40 Recharge, com diferentes capacidades de bateria, mas igualmente com tracção às quatro rodas ou a apenas duas, o que em termos práticos significa com dois motores ou apenas um, colocado à frente. Mas, de momento, a Volvo revelou apenas a versão mais potente e com a bateria de maior capacidade, que chegará numa primeira fase com o nível de equipamento mais completo.

XC40 eléctrico anuncia mais de 400 km de autonomia

Este SUV eléctrico, nas especificações que actualmente estão disponíveis para encomenda, conta com dois motores que totalizam 408 cv, um à frente e outro atrás, alimentados por uma bateria com 78 kWh de capacidade, que lhe garante 400 km de autonomia em WLTP. De acordo com Björn Annwall, o vice-presidente para a Estratégia, Marca e Vendas, o SUV eléctrico será proposto por um preço de 699.000 coroas suecas, cerca de 66.250€.

Para o nosso país, a Volvo ainda não definiu exactamente quando vai iniciar o período de encomendas, garantindo que será algures antes do final de 2020, para o XC40 Recharge começar a ser entregue aos clientes no início de 2021, uma vez que Portugal não figurará entre o primeiro lote de países a receber o modelo.