A série de reportagens “Em silêncio“, do Observador, venceu o prémio “Melhor Artigo de Serviço Público” dos Prémios Sapo 2020. O anúncio foi feito esta tarde durante uma gala que, devido à pandemia da Covid-19, decorreu em modo virtual e foi transmitida através da página do Sapo na internet.

Os Prémios Sapo reconhecem, por um lado, “o que de melhor se faz em publicidade digital a nível nacional” e, por outro, os “websites de informação que se destaquem pela produção de conteúdo jornalístico inovador e por tirarem partido das capacidades que o meio digital confere“.

As cinco reportagens da série “Em silêncio“, sobre o problema dos abusos sexuais na Igreja Católica em Portugal, foram publicadas entre 10 e 15 de fevereiro de 2019. O Observador viria a publicar, depois, mais um conjunto de artigos sobre este tema com base em denúncias que chegaram à redação na sequência daquelas reportagens.

Os outros meios de comunicação social premiados nesta edição foram o Público (categorias de “Melhor Inovação Digital” e de “Melhor Desenvolvimento de Interação com a Audiência”), o Expresso (“Melhor Reportagem Multimédia”), o Mediotejo.net (“Melhor Órgão de Informação Regional ou Local”), a RTP Play (“Melhor Estratégia para as Redes Sociais”), o Fumaça (“Melhor Podcast – Menção Honrosa”) e a Antena 1 (“Melhor Podcast”).

Pode ler aqui as cinco reportagens da série “Em silêncio“:

Pode também conhecer neste vídeo os bastidores do trabalho jornalístico, feito durante vários meses por uma equipa de dez pessoas.