A pandemia fez das pequenas reuniões ao ar livre uma das poucas formas de juntarmos amigos e familiares. Seguindo todas as precauções, multiplicam-se os piqueniques, sejam eles almoços, lanches ou petiscos de final de tarde. Por todo o país, há quem se dedique a tornar a tarefa mais fácil, entre empresas especializadas e hotéis que querem proporcionar momentos de evasão a céu aberto aos seus hóspedes e não só. Entre Lisboa, Porto, Alentejo e ilhas, com passagens pelo Douro, Algarve, Açores e Madeira, eis um roteiro de 14 piqueniques para o atípico verão de 2020.

No Jardim da Estrela

Quiosque Bananacafe, Lisboa. Todos os dias. 12 euros por pessoa

Este jardim já era, por excelência, um dos locais favoritos dos lisboetas para piqueniques de toda a espécie — festas de aniversário, reencontros entre amigos de longa data e sessões de solário. Agora, vai poder sair de casa de mãos a abanar. O quiosque do Bananacafe acaba de lançar um menu para quem quer sentar-se na relva, acompanhado de certo e toalha, como manda a tradição. As reservas podem ser feitas previamente ou no próprio dia. A ementa inclui húmus com palitos de cenoura, um salgados e salada à escolha, um mini hambúrguer com batata doce frita e três pequenas sobremesas: tarte de lima, brownie e banana bread. As bebidas não estão incluídas. Quanto ao sítio onde vai estender a toalha, tem um jardim inteiro à disposição.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.