Especialmente agora que os carros eléctricos estão na moda, em que a ausência de roncar do motor de combustão torna mais evidentes os ruídos parasitas e aerodinâmicos que tanto incomodam quem viaja a bordo, eis que alguém desenvolve uma tecnologia que corta o mal pela raiz. A empresa criadora do sistema é a israelita Silentium, que já anteriormente fez um acordo com a Jaguar Land Rover para desenvolver e aperfeiçoar o sistema Active Acoustics.

Segundo a Silentium, o seu sistema recorre a um dispositivo de cancelamento de ruído, só que mais eficiente do que o normal. De acordo com o fabricante, desaparecem 90% dos ruídos desagradáveis, com frequências entre 20 Hz e 1000 Hz, o que garante uma viagem num silêncio quase total.

Ainda que combata os ruídos persistentes, venham eles do motor, do rolamento de pneus, do “esfregar” de alguns plásticos ou originados por alguma janela que não feche de forma mais eficaz, o Active Acoustics não belisca as conversas dentro do veículo. A solução consegue até melhorá-las, pela ausência de barulhos que possam interferir na comunicação.

“O Active Acoustics vai alterar a forma como os fabricantes combatem os ruídos a bordo, permitindo-lhes reduzir a dependência de materiais de isolamento acústico”, salienta um dos executivos da Silentium, Anthony Manias. O truque está no software, uma vez que o “ruído” que cancela o barulho provocado pelo veículo é emitido pelo sistema de som do automóvel.