Este artigo é da responsabilidade de Turismo do Centro de Portugal

São os miradouros mais procurados do país, com cenários do nosso imaginário, onde não faltam motivos para sair de casa e partir à descoberta. Hoje, os baloiços são motivo de atração para as mais belas vistas sobre os pontos altos do Centro de Portugal. Aproveite e venha conhecer os Passadiços do Centro de Portugal. Todos merecem a sua visita. Entre passadiços e miradouros, as paisagens são de cortar a respiração. Entre a beleza da serra e a maresia do oceano, deixe-se levar e caminhe pelo Centro de Portugal. Parta à descoberta destes locais incríveis! Venha daí!

Sugerimos o uso de roupa e calçado confortáveis, uma garrafa de água e um lanchinho na mochila.

Ria de Aveiro, uma região sem igual…

Baloiço “I love Pateira”
Como chegar?
Coordenadas GPS: 40.57647, -8.51193
Está instalado nas margens da lagoa da Pateira de Óis da Ribeira e intitula-se ‘I Love Pateira’, o novo Baloiço de Águeda que promete pores do sol únicos!

Baloiço I Love Pateira | Foto: António Tavares

Baloiço “Olhar com alma, sentir com o coração”
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40°34’19.1″N 8°32’36.1″W
O novo baloiço fica no Parque do Requeixo, em Aveiro. Criado pela Associação de Amigos da Pateira do Carregal, o novo baloiço do Centro de Portugal é magnífico.
Imagina-se a voar sobre um campo de nenúfares?

Baloiço Maria Gomes
Como chegar?
Coordenadas GPS: 40.436597, -8.483421
Localizado numa paisagem vitivinícola, o Baloiço Maria Gomes pretende ser uma mais motivação para quem visita a Capital do Espumante – Anadia. É mais uma razão para que os seus visitantes, possam permanecer por mais tempo apreciando a verdadeira paisagem vitivinícola. De um lado, as colinas de São Lourenço do Bairro e Paredes do Bairro com destaque para a Quinta do Encontro e Campo Largo; do outro, as vinhas de Óis do Bairro e Outeiro de Baixo com destaque para a Serra do Buçaco e Caramulo; entre estas duas grandes paisagens, encontra-se o Moinho da Eira, mesmo ao lado do Maria Gomes.
Não perca!

Facebook

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Baloiço do Cais da Cambreia dos Cardosos
Como chegar?
Coordenadas: 40,73711948, -8,62557575
Cais da Cambeia dos Cardosos tem um novo atrativo baloiço junto ao mar, com uma vista privilegiada para a serra. Este é um baloiço onde cabe toda (quase) toda a família, já que o seu assento tem cerca de 1,20m. Com vista desafogada para a ria e para a serra, o novo atrativo tem cerca de 6 metros de altura.

Baloiço Barriga de Mulher – Castanheira do Vouga, Águeda
Como chegar?
Coordenadas GPS: 40°35’17.2″N, 8°21’11.2″W
Surgiu o novo Baloiço do Caramulo, de forma a lembrar-nos sempre a “criança que existe dentro de nós”. Consiga o ângulo perfeito e tire as melhores fotografias com vista para a Serra. Relaxe, ouça e sinta o sabor do vento. Há imagens que valem mais que mil palavras.

Passadiços de Aveiro
Como Chegar?
A pé ou de bicicleta, pode conhecer a Ria de Aveiro de uma forma única. Os passadiços de Aveiro fazem parte de um projeto mais vasto: a Via Ecológica Ciclável. Numa paisagem lagunar, poderá aproveitar para fazer exercício físico e observar a fauna e a flora. O troço de Aveiro inicia-se no final do Canal de S. Roque (sob a ponte da A25) e percorre uma extensão de 7,25 km (dos quais 2,8 km em passadiços), sempre ao longo da ria, através de passadiços de madeira sobrelevados, ou de caminhos em saibro, permitindo o contacto privilegiado com esta zona da ria, que se encontrava inacessível à população.

Passadiços do Gresso – Sanfins, Sever do Vouga
Como Chegar?
Nas proximidades de Sanfins, Sever do Vouga, encontramos os Passadiços do Rio Gresso, com cerca de 1500m de comprimento. Uma caminhada acompanhada pelo rio Gresso e entre a verdejante paisagem, pelass quedas de água e o bucólico cenário ao longo das margens do rio. Uma máquina fotográfica é imprescindível tendo em conta a biodoversidade que encontramos ao longo do percurso como a variedade incrível de diferentes cogumelos e plantas.

Passadiço da Barrinha de Esmoriz
Como chegar?
Situada entre os concelhos de Espinho e Ovar, a Barrinha de Esmoriz é uma rara lagoa costeira de média dimensão, única no seu género ao longo da costa norte de Portugal. Atualmente pode passear por ela através do recentemente inaugurado Passadiço e poder apreciar não apenas a sua vegetação mas também as inúmeras aves que constituem o grupo faunístico mais representativo da Barrinha.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Passadiços da Praia da Torreira
Como Chegar?
Com cerca de 300m já pode passear ao largo da praia da Torreira, uma zona piscatória em Murtosa. Este é um asseio onde a tranquilidade e a serenidade abundam. Venha conhecer este passadiço com uma vista incrível sobre o oceano atlântico.

Viseu Dão Lafões, terra de diversão e bem estar…

Baloiço dos Penedros da Cabeça – Lamas de Ferreira, Sátão
Como Chegar ?
Coordenadas GPS: 40°46’45.1″N 7°43’26.5″W
Os baloiços são locais de lazer, mas situados no sítio certo, podem também ser locais de reflexão. Assim é o Baloiço de Penedros, na Freguesia de Lamas de Ferreira. O autor do projeto, um jovem local refere que “é um local para relaxar, sentir, pensar e fazer desporto, mas tem muito mais para ver na zona além do baloiço”. O local onde está a estrutura, chama-se Penedros da Cabeça por um motivo simples: à volta estão espalhadas várias cabeças de pedra — como a Cabeça do Mudo, Cabeça do Cego, Cabeça do Homem, Cabeça do Camaleão e do Dragão. Mais um local a não perder!

Baloiço de Colherinhas – Aguiar da Beira
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.724612, -7.592927
Considerado um dos baloiços mais deslumbrantes de Portugal, encontramos em Aguiar da Beiramais um motivo para conhecer a localidade de Colherinhas e seu Baloiço, com o mesmo nome. Venha daí!

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço da Cabeça – Aguiar da Beira
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.753294, -7.456492
No cimo da Serra do Pisco, a mais de 900m de altitude encontramos o Baloiço da Cabeça, uma atração localizada a poucos metros do talefe. Este local é perfeito para relaxar e distingue-se dos demais pois a sua base é larga, podendo suportar até duas pessoas sentadas. Com uma vista deslumbrante sobre a montanha é mais um local onde a sua passagem é obrigatória.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço da Urgueira
Como chegar?
Coordenadas GPS: 40.747119, -7.424253
Mais um baloiço que tenciona proporcionar aos seus visitantes um momento de descontração em sintonia com o espaço em que se envolve. Localizado em plena natureza, daqui poderá absorver a acalmia da aldeia da Urgueira, tendo como pano de fundo a Serra do Pisco, contemplando a sua beleza e deixando-se invadir por um sentimento de tranquilidade onde a música envolvente é o chilrear dos passarinhos. Visite este local fantástico.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço da Pedreira – Castro Daire
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.818910, -7.933761
Localizado numa antiga Pedreira, em Castro Daire, encontramos o Baloiço da Pedreira. Foi construída devido à vista surpreendente sobre um lago azul, contrastando com o cenário onde foi depositado. A paisagem é deslumbrante e digno de uma passagem para sentir o poder do silêncio. Ainda aí está?

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço da Foz do Cabril – Castro Daire
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40°56’12.0″N 8°06’12.6″W
Encaixada entre o maciço da Gralheira e a serra do Montemuro, o Baloiço da Foz Cabril, em Castro Daire, é o ponto de encontro entre o rio Tenente e o rio Paiva. Este local é uma excelente zona de recreio e lazer e onde instalaram o novo Baloiço do concelho. Não vai querer perder.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço do Pego – Castro Daire
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40°53’12.9″N 7°53’40.1″W
Junto às margens calmas do rio Paiva, encontramos o Baloiço do Pego, uma zona para quem gosta de se sentir em comunhão com a natureza pura, pois é o que aqui vai encontrar. Relaxe e desfrute desta harmonia.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Rota dos Baloiços – Oliveira de Frades
Como Chegar?
Coordenadas GPS – Baloiço do Rio: 40.738318, -8.319416
Coordenadas GPS – Baloiço Terra e Mar: 40.703484, -8.289165
Coordenadas GPS – Baloiço da Serra: 40.720048, -8.297680

É constituída por três baloiços em diferentes locais da Freguesia com o objetivo de divulgar as excelentes paisagens naturais de quem os visita. Devidamente identificados estão o Baloiço do Rio (construído perto da Barragem de Ribeiradio com uma vista soberba sobre o Rio Vouga), o Baloiço Terra e Mar (se por um lado se avista o rio, por outro avista-se a imensidão da serra) e o Baloiço da Serra (situado num dos pontos mais altos da Serra do Ladário, com uma vista fenomenal sobre o vale do Vouga).
Vamos lá!

Passadiços da Reserva Botânica do Cambarinho, Vouzela
Como Chegar?
É nas encostas da Serra do Caramulo que encontramos os Passadiços da Reserva Botânica do Cambarinho, que alberga um percurso pedestre de 1500m, num passeio repleto de loendros (espécie rara de flor), borboletas, abelhas, pássaros e águas a correr, num passeio de encantar. Não perca esta visita!

Região de Coimbra, cheia de encantos…

Baloiço do Trevim – Serra da Lousã
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.077045, -8.191273
É pelo mais famoso Baloiço de Portugal que vamos começar a nossa viagem, o da Serra da Lousã. Aproveite uma visita às Aldeias do Xisto e termine o dia no ponto mais alto da Serra, a assistir ao pôr do sol no Alto do Trevim, que nos proporciona uma imagem panorâmica de serenidade infinita. O projeto faz parte de uma iniciativa intitulada “Isto é Lousã”, desenvolvida por um grupo de jovens, cujo objetivo é mostrar o melhor que a região da Lousã tem para oferecer. Aprecie a serenidade deste lugar e sinta o poder da natureza a 1200m de altitude!

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço da Senhora da Piedade – Lousã
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.099717, -8.234043
Ainda na Lousã, e também inserido no Projeto “Isto é Lousã”, encontramos o Baloiço do Burgo, na localidade com o mesmo nome, junto às piscinas de Nossa Senhora da Piedade, após passar pelos seus recentemente inaugurados Passadiços. Se receia alturas, este baloiço é para si, pois está sobre a água. De noite, cria um efeito de sonho, com suas grinaldas de luz. Um encanto!

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço da Carriça – Arganil, Serra do Açor
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.225535, -7.974041
Localizado num dos pontos mais altos da Serra do Açor, o nome do baloiço tem a ver com o marco geodésico desta região, que se chama Carriça. Sentados naquele local específico, os visitantes ficam com uma perspetiva magnífica sobre a Serra do Açor. A melhor altura para o visitar é, sem dúvida, durante as primeiras horas da manhã para assistir ao nascer do sol. A alternativa é regressar ao final da tarde, para ver o pôr do sol.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço do Seminário Maior – Coimbra
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.202632, -8.421535
É no coração do Centro de Portugal, em Coimbra, que nasce o Baloiço do Seminário Maior. Perfeito para relaxar e com uma vista privilegiada sobre o Mondego, é sem dúvida o local tranquilo e perfeito para relaxar e aproveitar momentos românticos a dois. Fica localizado atrás do Seminário Maior de Coimbra, frente ao rio Mondego, com uma vista soberba sobre a cidade. Deixe-se deslumbrar!

Baloiço dos Penedos – Góis
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.095465, -8.126951
Localizado em Góis e rodeado pelo imenso verde, em plena aldeia de Xisto, os Penedos de Góis, escarpados escondem um Baloiço com o mesmo nome, entre os desníveis que apresenta e as impetuosas quedas de água e ribeiras circundantes. Não perca a oportunidade de o conhecer!

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço da Boa Vista – Pampilhosa da Serra
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.050147, -7.951250
Localiza-se no topo de Pampilhosa da Serra, com uma vista deslumbrante e muito convidativa, de cortar a respiração. Já chegou?

Baloiço das Antas Pró Mondego – Oliveira do Hospital, Seixo da Beira
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40.458390, -7.891567
Fica situado a 316 metros de altitude entre a localidade das Seixas e o Vale do Ferro, na freguesia de Seixo da Beira. Do alto do Seixo da Beira, na encosta sobre o rio, é possível fazer o caminho, mas convém estar devidamente equipado. São apenas 300 metros até ao baloiço, onde obterá uma vista maravilhosa. Olhando à volta, vai ver que a zona é também generosa em percursos com diferentes dificuldades para descobrir.

Baloiço da Pedra da Sé, Tábua
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40°22’15.6″N 8°03’22.1″W
No lugar da Pedra da Sé, um grupo de amigos construiu um baloiço que tem por nome “Baloiço Bóco”, por se caracterizar e localizar no espaço e local do “Bóco” com paisagem principal sobre o Rio Mondego.

Baloiço “Isto é Timor” – Lagoa da Vela, Figueira da Foz
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40°16’20.1″N 8°47’20.7″W
Localizado num sítio incrível, junto à maior lagoa de um grupo de várias lagoas situadas entre Quiaios e Tocha, a norte da Figueira da Foz, é mais um lugar de uma tranquilidade e serenidade imensas, a não perder. O seu nome deve-se a uma placa com o nome “Timor” que ali foi encontrada depois de ali ter afundado um barco, incendiado. Atualmente tem infra-estruturas de apoio, construídas por locais, e um pequeno parque de convívio.

Instagram

Passadiços da Senhora da Piedade – Lousã
Como Chegar?
Em plena Serra da Lousã, numa extensão de 1200 metros, localiza-se entre o lugar do Cabo do Soito e o complexo turístico da Senhora da Piedade, facultando um acesso mais fácil às piscinas naturais da praia fluvial do Burgo. Aproveite o fim da caminhada para um mergulho.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Passadiços de Vale de Gaios – Tábua
Como Chegar?
Esta “beleza num estado natural”, e está localizado entre a vila de Tábua e Midões. Um fantástico caminho que proporciona um contacto pleno com a natureza num dos percursos mais emblemáticos do concelho, considerado por muitos, o “paraíso do BTT”.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Passadiços da Peneda – Góis
Como Chegar?
Praia Fluvial da Peneda está inserida num imponente enquadramento paisagístico, dominado por altas e majestosas serras, contando com uma beleza circundante que fascina o seu visitante. O Passadiço da Peneda leva-o a esta maravilha da natureza…

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Serra da Estrela, o cenário ideal…

Baloiço de Aldeia Velha – Sabugal
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 39.609942, -7.971460
No alto da Serra do Homem de Pedra, nasceu o Baloiço da Aldeia Velha, panorâmico e cujo formato irreverente é um doa mais icónicos do mundo. O baloiço, em forma do forcão (relembrando a tradição antiga da capela arraiana), proporciona de uma vista ampla e desafogada sobre o vale envolvente da cidade da Guarda, estendendo-se pela Serra da Estrela. Curioso?

Região de Leiria, entre a serra e o mar…

Baloiço de Alvaiázere – Alvaiázere
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 39.830716, -8.406154
Na Serra de Alvaiázere, ponto mais alto do Maciço de Sicó, a cerca de 600m de altitude, encontra-se o baloiço da serra onde se pode desfrutar de uma vista 360º sobre a paisagem e observar uma grande diversidade de fauna e flora. Respire Alvaiázere!

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço do Val Grande – Serro Ventoso, Porto de Mós
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 39,549251, -8,867735
Localizado no Parque Natural de Serra de Aire e Candeeiros, na Freguesia de Serro Ventoso, e a cerca de 450m de altitude proporciona-lhe uma vista maravilhosa para o Oceano Atlântico e Berlengas, com uma panorâmica pela zona Oeste. Visite-o!

Passadiço da Ribeira de Quelhas – Coentral Grande – Castanheira de Pera
Como Chegar?
Ribeira de Quelhas, com as suas cascatas e lagoas, é um lugar imperativo de se conhecer. O Passadiço torna a sua visita mais acessível pelo que já não terá desculpas para não conhecer este local idílico. Os Passadiços da Ribeira das Quelhas têm início junto à aldeia do Coentral Grande, e seguem pela margem direita da Ribeira das Quelhas por aproximadamente 1200m.

Passadiço das Fragas de São Simão – Figueiró dos Vinhos
Como chegar?
No concelho de Figueiró dos Vinhos, bem no Centro de Portugal, encontramos o Passadiço das Fragas de São Simão, em plena Aldeia do Xisto. O Passadiço das Fragas de São Simão tem sensivelmente 2 km e liga agora a Aldeia do Xisto de Casal de São Simão, a Praia Fluvial das Fragas de São Simão e o Miradouro. É um local a não perder e com todas as condições disponíveis para um dia bem passado.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Médio Tejo, respire fundo e relaxe…

Baloiço de Mação – Mação
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 39.609942, -7.971460
A majestosa Serra do Bando dos Santos, antes conhecida como Bando Maior está favoravelmente localizada, privilegiando-nos com uma vista única. Rodeada de vestígios de  castros da Idade do Bronze, achados arqueológicos, fontes, cavernas, círculos gravados nas pedras e pedregulho com covinha, encontramos no seu topo o Baloiço de Mação. Já lá está?

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço do Talegre – Alburitel, Ourém
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 39.634430, -8.514251
Situado no concelho de Ourém, em Alburitel, o Baloiço do Talegre nasceu de um projeto criado durante a pandemia por um pequeno grupo de jovens empreendedores locais. Para os mais aventureiros,  existem também trilhos entre a serra, sendo que dois desses trilhos merecem a sua especial atenção: o Trilho do Talegre e o Trilho Tranqilo. Espalhados pela serra, estes têm a motivação extra de terminarem exatamente na zona junto ao novo Baloiço do Talegre. Ambos são caminhos ideais para vislumbrar o verde e respirar o ar da Serra de Alburitel não esquecendo que Talegre é um marco geodésico no cimo da serra, onde curiosamente foi construído este baloiço, dando origem ao seu nome. Venha conhecê-lo!

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço dos Moinhos – Entrevinhas, Sardoal
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 39.54649, -8.12957
Nasce junto ao Moinho das Entrevinhas o Baloiço dos Moinhos, assente em calçada portuguesa e mais um pólo atrativo para quem visita o Município do Sardoal, com uma vista fantástica sobre o Vale do Armo. Deixe-se impressionar…

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Passadiço do Agroal – Agroal, Ourém
Como chegar?
Das águas frias do Rio Nabão nasceu a praia fluvial do Agroal, numa piscina fluvial construída para relaxar nas águas frias da nascente do Agroal, no concelho de Ourém. A piscina natural para onde corre o rio Nabão é vigiada e o lugar seguro, limpo e pronto a acolher os seus visitantes. E para lá chegar terá de percorrer o novo Passadiço do Agroal, com aproximadamente 800m, inserido no Parque Natureza.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Passadiço do Penedo Furado – Vila de Rei
Como chegar?
Considerada uma das 7 maravilhas de Portugal, a Praia Fluvial do Penedo Furado, Ribeira de Codes, e as inúmeras quedas de águas existentes na área envolvente, proporcionam o enquadramento perfeito para quem admira a natureza e pretende aliar o conforto à tranquilidade. É também aqui que encontramos o Passadiço do Penedo Furado, um percurso curto, com segredos incríveis à espera que os descubra!

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Respire o Oeste…

Baloiço da Ladeira – Sítio, Nazaré
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 39.60484, -9.07299
Num dos mais emblemáticos sítios do Oeste e do país, ergue-se a nova atração turística, o Baloiço da Ladeira. Esta “janela para o paraíso” foi recentemente inaugurada e a partir dela abre-se uma vista magnífica sobre o areal da praia e da vila, desde o Sítio da Nazaré.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço da Serra de Todo-o-Mundo, Cadaval
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 39.29379, -9.02036
A Serra de Todo-o-Mundo fica situada entre as freguesias de Alguber, Landal e Painho/Figueiros, e representa um enorme legado de património cultural, natural, paisagístico e lendário, pois muitas lendas estão associadas a esta belíssima serra, que tem como padroeira Nossa Senhora de Todo-o-Mundo.
A vista é deslumbrante…

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Baloiço #Obidos
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40°34’19.1″N 8°32’36.1″W
A vila de Óbidos tem um novo local de relaxe e tranquilidade. Trata-se de um novo baloiço, localizado num espaço conhecido como o ‘Miradouro da Serrinha de Cima’, na Rua do Castelo, dentro do perímetro muralhado de Óbidos e com vista panorâmica sobre a Vila. Aprecie a Vila de Óbidos de outra perspetiva. A dois.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Passadiços da Foz do Arelho – Foz do Arelho
Como Chegar?
Localizado numa zona sensível de arribas e sistemas dunares, os Passadiços foram pensados para proteger a biodiversidade singular e riquíssima deste local. Embora tenham um percurso relativamente curto (800m), a sua localização nas falésias a norte da Lagoa de Óbidos e praia da Foz do Arelho, fazem dele um percurso pedestre a não perder.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Passadiço das Escarpas – Torres Vedras
Como chegar?
Passadiço das Escarpas tem cerca de um quilómetro, e une as localidades de Porto Novo e Maceira, no concelho de Torres Vedras. O percurso revela uma beleza ímpar, rodeado de paisagens verdejantes que contrastam com o azul do mar. Ao longo odo Passadiço pode contar com vários observatórios para observar as Escarpas da Maceira, o Rio Alcabrichel e a Praia de Porto Novo, numa viagem pela biologia e geologia deste território.

Fotografia: Cedência da Câmara Municipal responsável

Beira Baixa, tranquila e serena…

Baloiço do Castelo Velho – Louriçal do Campo, Castelo Branco
Como Chegar?
Coordenadas GPS: 40°04’01.9″N 7°30’58.4″W
Num dos mais emblemáticos pontos do Centro de Portugal, no alto da serra da Gardunha, a mais de mil metros de altitude, encontramos o baloiço do Castelo Velho. A sua vista para o planalto desde o Miradouro da Gardunha, é revitalizadora. A juntar ao baloiço, um pouco mais abaixo, encontramos outra novidade, a Pasteleira da Gardunha. Não vai querer perder esta caminhada!

Passadiços do Orvalho – Oleiros
Como Chegar?
Em pleno coração da Beira Baixa, encontramos o Geopark Naturtejo, uma das maiores redes de percursos pedestres. É aqui, no concelho de Oleiros, que partimos em busca dos Passadiços do Orvalho e a Cascata Fraga de Água d’Alta. Os Passadiços do Orvalho estão inseridos na GeoRota do Orvalho e sugerem várias rotas à descoberta de um território com paisagens de uma beleza inigualável. Contam com cerca de 2 quilómetros, na sua versão mais curta, e envolvem a Cascata da Fraga de Água d’Alta e do Cabeço do Mosqueiro.

Saiba mais sobre este projeto em 
https://observador.pt/seccao/centro-de-portugal/