Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O painel de especialistas de aconselhamento ao regulador norte-americano  do medicamento (FDA, Food and Drugs Administration) recomendou, esta terça-feira, que as crianças entre os cinco e os 11 anos sejam vacinadas com o equivalente a um terço da dose do imunizante da Pfizer/BioNTech dada aos adultos, noticiou a Associated Press.

A votação foi expressiva: 17 especialistas pertencentes ao comité votaram a favor — com apenas uma abstenção –, argumentando que os benefícios da vacinação superam os riscos.

No entanto, esta recomendação dos especialistas não é uma decisão final. Apesar de normalmente a FDA seguir o conselho deste painel, terá de ser o próprio regulador a deliberar se as crianças serão ou não vacinadas. Depois ainda carece de uma aprovação do Centros de Controlo e Prevenção de Doenças dos EUA.

Embora as crianças não desenvolvam geralmente sintomas graves da Covid-19, foram hospitalizados 8.300 menores dos cinco aos 11 anos nos EUA.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR