A Linha do Minho foi cortada no troço Viana do Castelo/Valença, cerca de uma hora, após um atropelamento na ponte Eiffel, sobre o rio Lima, do qual resultou uma vítima mortal, revelou este sábado fonte da PSP.

De acordo com o segundo-comandante do Comando Distrital da PSD de Viana do Castelo, Raul Curva, o comboio que seguia no sentido sul/norte, entre o Porto e Valença, esteve parado cerca de uma hora.

“O comboio que ficou parado já seguiu em direção ao destino, mas a circulação ainda não foi retomada”, adiantou.

O alerta foi dado cerca das 19h15. A circulação ferroviária foi cortada às 19h36 e retomada cerca das 20h20.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Contactada pela agência Lusa, fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) adiantou que a vítima mortal é um homem cuja identificação é ainda desconhecida.

Ao local compareceram 11 operacionais e seis viaturas dos Bombeiros Sapadores, da Capitania, a Viatura de Emergência Médica (VMER) de Viana do Castelo e elementos da Infraestruturas de Portugal.