Está a ser partilhada no Facebook uma publicação que questiona se que “para 60% [dos portugueses] não há nenhum partido melhor que o PS”. A publicação induz que 60% dos portugueses optariam por votar no Partido Socialista, mas — e ainda que o partido tenha subido nas intenções de voto na sondagem onde surge esse número — as intenções de voto dos portugueses no PS estão bem distantes dos 60%.

A sondagem da Aximage para o DN, o JN e a TSF, divulgada a 4 de abril, é a única onde surge algum indicador próximo de 60% que possa ser associado ao PS. No início deste mês, espelhava a sondagem da Aximage que a popularidade de António Costa (e Marcelo Rebelo de Sousa) tinha subido para os 61%, mais cinco pontos percentuais que na anterior sondagem, realizada em março.

Desde julho de 2020 que António Costa não recebia tantas avaliações positivas dos portugueses, conforme nota a peça do Diário de Notícias, que destacava ainda que “as mulheres, os mais velhos, os mais pobres e os eleitores socialistas são as âncoras em que assenta a popularidade dos dois políticos”. Marcelo Rebelo de Sousa tinha no início deste mês uma avaliação positiva atribuída por 72% dos inquiridos.

Publicação no Facebook que induz que 60% dos portugueses prefere o PS a outros partidos

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Mas voltando à questão induzida pela publicação no Facebook, na mesma sondagem o Partido Socialista reunia 39,7% das intenções de voto — enquanto do PSD descia para os 23,6% —, bem longe dos 60% que a publicação no Facebook insinua.

Não há registo de nenhuma sondagem recente que aponte que 60% dos portugueses prefere o Partido Socialista a qualquer outro, embora 60% dos inquiridos pela Aximage no início de abril tenha dado uma avaliação positiva a António Costa. Já a avaliação feita ao Governo do PS era ligeiramente menos positiva: 55% dos inquiridos avalia o Executivo de forma positiva.

Conclusão:

Induzir que 60% dos portugueses prefere o Partido Socialista a qualquer outro partido com base numa sondagem que dava essa percentagem na avaliação positiva de António Costa é, no mínimo, desonesto. A mesma sondagem continha intenções de voto nos vários partidos e, para o Partido Socialista, o número era de 39,7%, bem longe dos 60%. A avaliação positiva do Governo, liderado por Costa, era nessa mesma sondagem de 55% pelo que, nem através desse dado, o utilizador do Facebook podia ter feito essa relação direta. É, no mínimo, enganador dizer que 60% dos portugueses considera que “não há nenhum partido melhor que o PS”, quando a intenção de voto expressa pelos inquiridos não chega aos 40%.

Segundo a classificação do Observador, este conteúdo é:

ENGANADOR

No sistema de classificação do Facebook, este conteúdo é:

PARCIALMENTE FALSO: as alegações dos conteúdos são uma mistura de factos precisos e imprecisos ou a principal alegação é enganadora ou está incompleta.

Nota: este conteúdo foi selecionado pelo Observador no âmbito de uma parceria de fact checking com o Facebook.

IFCN Badge