Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

1 Era o estudo que não convinha nada a este Governo e, sobretudo, não convinha nada a esta equipa do Ministério da Educação. A queda abrupta da notação internacional dos alunos do 4º ano do Básico a Matemática no TIMSS 2019, “Tendências Internacionais de Matemática e Ciências”, comprova que a ruptura operada em 2015 resultou naquilo que muitos (eu incluído) prognosticaram: num desastre.

Não estamos a brincar. Estamos a falar do futuro das nossas crianças. Não estamos mesmo a brincar. Estamos a falar do futuro daqueles que acabaram de entrar na escola. É isso que mais dói porque foram elas que foram usadas como cobaias.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.