Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Respeitando uma antiga tradição, dedico hoje uma primeira crónica a livros de autores estrangeiros para o Natal. Na próxima semana, será a vez de autores nacionais.

Começo por recomendar um livro que é estreia de um jovem autor, Tim Bouverie, e que tem sido literalmente aclamado por uma plêiade de autores consagrados. Refiro-me a Appeasing Hitler: Chamberlain, Churchill and the Road to War, (London: The Bodley Head, 2019). Trata-se de uma eloquente recordação dos dramáticos anos da década de 1930 e das tremendas hesitações, controvérsias e rivalidades parlamentares que precederam a chegada de Churchill à liderança do Governo, a 10 de Maio de 1940.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.