Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

António Costa afirmou esta quinta-feira estar “certo” de que haverá congresso extraordinário do PS porque é preciso dar “voz aos militantes”.

“Estou certo que os órgãos nacionais irão promover a realização de um congresso”, disse esta quinta-feira o presidente da Câmara de Lisboa, na Feira do Livro em Lisboa, defendendo que as escolhas “fazem-se por debate e decisão política e não por questões burocráticas”.

Segundo António Costa, “é preciso dar voz aos militantes”. “Conheço bem o meu partido, não tenho dúvidas de que o meu partido fará o que está na sua matriz”, afirmou o autarca, que anunciou terça-feira a sua disponibilidade para se candidatar à liderança do PS. “Iremos fazer caminho”, disse o autarca, dizendo-se “certo” de que haverá congresso.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR