O presidente da Turquia afirmou este sábado que terão sido os muçulmanos que descobriram as Américas, e não Cristóvão Colombo, e três séculos antes do descobridor de Génova.

“Os contactos entre a América Latina e o Islão datam do século XII. Os muçulmanos descobriram a América em 1178, não foi Cristóvão Colombo”, disse o responsável durante um discurso em Istambul, na cimeira dos líderes muçulmanos da América Latina.

Recep Erdogan disse ainda que Colombo fez referência a uma mesquita numa colina da costa de Cuba e que a Turquia até está pronta, nesta altura, para construir lá uma mesquita: “gostaria de falar sobre isso com os meus irmãos cubanos. Uma mesquita ficaria perfeita nessa colina”, disse.

A generalidade dos livros de história aponta para que Colombo tenha chegado ao continente americano em 1492, quando procurava uma rota marítima para a Índia. No entanto, alguns historiadores muçulmanos defendem que os estes terão chegado primeiro ao continente, apesar de não existir registo de alguma estrutura muçulmana no continente mais antiga.