Houve um “acidente” num dos reatores da central nuclear de Zaporizhye, no sudeste da Ucrânia. Foi o primeiro-ministro Arseny Yatseniuk quem adiantou a informação e já foi pedido ao ministro da Energia para fazer uma conferência de imprensa a explicar o sucedido e como o problema será resolvido.

“Sei que ocorreu um acidente em Zaporizhye”, afirmou Arseny Yatseniuk, citado pela agência Reuters. Segundo a RT News, houve problemas na central nuclear na passada sexta-feira, que estarão relacionados com o “acidente” que o primeiro-ministro ucraniano revelou esta quarta-feira.

Não existem, para já, relatos de quaisquer consequências além da interrupção da produção elétrica no reator acidentado e de perturbações ao fornecimento de energia ao país.

A RT News publicou, entretanto, declarações do ministro da Energia, Volodymyr Demchyshyn. “Não há qualquer ameaça… Não há quaisquer problemas com os reatores”, garantiu o responsável.

A agência Interfax diz que o problema está contido e que o reator voltará a funcionar na próxima sexta-feira, a 5 de dezembro. Os outros quatro reatores nucleares na central continuam operacionais, o que não está a evitar que várias localidades ucranianas tenham ficado sem eletricidade.