Uma menina de 14 anos pegou fogo a si mesma após ter sido violada por cinco homens na localidade de Kosi Kalan, do estado Uttar Pradesh, no norte da Índia. Suspeita-se que a violação tenha sido feita pelo tio e por quatro amigos do mesmo, de acordo com o India Times.

A jovem foi violada no domingo à tarde, dia 19 de abril, e, de acordo com o ABC, a família sabia do ocorrido.

Esta terça-feira espalhou querosene pelo seu corpo ao qual pegou fogo, mas o seu irmão chegou a tempo para evitar a morte da jovem. Apesar de ter sobrevivido, o fogo levou a que ficasse com 70% do corpo queimado. De momento está internada no Hospital Safdarjung de Nova Deli.

“Quando acordei vi-a ardendo. Mandei-lhe água para cima, na tentativa de apagar o fogo,” relatou o seu irmão à cadeia de televisão indiana, NDTV.

O pai da jovem fez queixa às autoridades e a polícia deteve os cinco suspeitos, sendo um deles menor de idade.

De acordo com o Gabinete de Registo de Crimes Nacionais indiano, 93 mulheres foram violadas todos os dias em 2013. A violação é o quarto crime mais comum na Índia.