334kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Donald Trump e Bernie Sanders vencem no New Hampshire com grande vantagem

Este artigo tem mais de 5 anos

Em New Hampshire, o milionário Donald Trump teve mais do dobro do segundo classificado e o socialista democrático Bernie Sanders deixou Hillary Clinton a mais de 20 pontos de distância.

Donald Trump e Bernie Sanders conseguiram duas vitórias claras
i

Donald Trump e Bernie Sanders conseguiram duas vitórias claras

Donald Trump e Bernie Sanders conseguiram duas vitórias claras

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Donald Trump e Bernie Sanders são os vencedores das eleições primárias do New Hampshire para a presidência dos Estados Unidos. Com mais de 80% dos votos apurados, Trump, que perdera para Ted Cruz a competição entre republicanos no Iowa, liderava a votação, com 35,1%, seguido por John Kasich, com 15,9%. Cruz tinha apenas 11,5% dos votos. Marco Rubio, que ficara em terceiro lugar no Iowa e era visto como um dos favoritos, acabou em quinto lugar (com 10,6%), atrás de Jeb Bush, que conseguiu 11,1%

Entre os democratas, Bernie Sanders esmagou Hillary Clinton com 60% contra apenas 38,4% da antiga primeira-dama. A antiga secretária de Estado de Barack Obama reconheceu a derrota, num estado em que venceu em 2008 quando o concorrente era o atual presidente, Barack Obama – e já começaram a surgir indicações de que poderá haver mudanças na sua equipa de campanha.

Bernie Sanders ganhou vantagem sobre Clinton junto dos eleitores mais jovens e daqueles que se consideram “moderadamente liberais”, de acordo com um estudo da Edison Research, e também terá conquistado ligeiramente mais eleitores do sexo feminino. Hillary terá superado Sanders na faixa etária de idade superior a 65 anos.

Num discurso de vitória emocionado, durante o qual falou dos pais, que já morreram, dos irmãos e da restante família, Trump prometeu: “Nós vamos fazer a América grande novamente”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Já Bernie Sanders, que se classifica como um “socialista democrático”, deixou um recado: “Esta noite, enviámos uma mensagem que vai ecoar de Wall Street a Washington, do Maine à Califórnia”.

https://www.youtube.com/watch?v=F8qWIByQZ3w

Os analistas consideram que as vitórias obtidas por Trump e Sanders, dois candidatos classificados como “fora do sistema”, como um sinal do cansaço dos eleitores com os políticos profissionais. Acreditam que os resultados no estado de New Hampshire deixam a porta aberta para uma luta acesa, em ambos os partidos, até à nomeação.

Hillary Clinton, que no Iowa tinha alcançado uma vitória magra sobre Sanders, prometeu levar a campanha a todo o país. “Vamos lutar por todos os votos em todos os estados”, declarou. “As pessoas têm todo o direito de estar zangadas. Mas também têm fome. Têm fome de soluções”, acrescentou perante os seus apoiantes.

Meio milhão de eleitores terão participado nas primárias do estado de New Hampshire, que tem uma população de 1,327 milhões de habitantes e é o nono estado menos populoso dos Estados Unidos. Em competição pelos eleitores estiveram 58 candidatos, nove dos quais no campo republicano.

As próximas primárias realizam-se no Nevada, a 20 de fevereiro, no mesmo dia em que os candidatos republicanos competem na Carolina do Sul. Neste estado, a votação para a escolha do candidato do Partido Democrata decorre a 27 de fevereiro. A eleição geral está marcada para 8 de novembro.

[Veja aqui as datas das próximas primárias e o número de delegados que são eleitos em cada uma]

Infografia: Milton Cappelletti

Metade dos eleitores republicanos decidiu nos últimos dias

Os eleitores do New Hampshire costumam tomar decisões apenas nos dias que antecedem a votação e, em 2016, não terá sido diferente. Uma sondagem à boca das urnas realizada, também, pela Edison Research indicou que perto de metade do eleitorado republicano só decidiu em que candidato votar nos dias mais recentes. Foi entre estes eleitores, que demoram mais tempo a fazer as suas opções, que Marco Rubio conseguiu marcar pontos nas primárias do Iowa e conquistar a terceira posição, com 29%, atrás de Ted Cruz e de Donald Trump.

No New Hampshire, de acordo com o mesmo estudo, terão sido os candidatos até agora apelidados de outsiders os maiores beneficiados com as decisões de última hora. A Edison Research revelou que 61% dos apoiantes de John Kasich optaram pelo governador do Ohio já em cima da votação e o mesmo sucedeu com 51% daqueles que escolheram Jeb Bush, irmão do ex-presidente George W, Bush.

No lado do Partido Democrata, a situação é diferente. Apenas um quinto dos eleitores deixou para os derradeiros dias de campanha no New Hampshire a decisão sobre a sua preferência. Ainda assim, Hillary Clinton terá sido mais favorecida do que Bernie Sanders durante as horas finais da corrida. Os esforços finais dos apoiantes da antiga secretária de Estado de Barack Obama terão permitido convencer 26% dos seus eleitores, contra 20% de persuadidos à última hora por Sanders.

A página está a demorar muito tempo.