A Repsol inaugura esta segunda-feira o parque de armazenagem de combustíveis em Sines, que permite a armazenagem de 100 milhões de litros de gasóleo, com ligações por ‘pipeline’ ao porto de Sines e à CLC – Companhia Logística de Combustíveis.

“Fizemos uma aposta no crescimento em Portugal num mercado particularmente difícil da economia. Esta obra que estamos a inaugurar é mais um exemplo da aposta que estamos a fazer em Portugal”, afirmou o presidente da Repsol Portugesa, António Calçada de Sá, na cerimónia de inauguração, em Sines.

O líder da petrolífera espanhola em Portugal realçou que o projeto representa um investimento de 30 milhões de euros e terá um contributo fundamental para a segurança energética do país, ao incrementar as reservas de combustível em território nacional.

“O nosso papel em Portugal é um papel de continuidade, de continuação e de desenvolvimento”, declarou António Calçada de Sá.

Além de reforçar a capacidade de armazenagem da Repsol e do país, o parque de armazenagem permite ligação ao Porto de Sines e a distribuição na zona de maior consumo do país (Lisboa), através da ligação ao Parque da CLC em Aveiras.

“Erguida com vista à consolidação da presença da empresa no competitivo mercado português, a obra começou a ser construída em 2014 e cumpriu prazos, orçamento e medidas de segurança previstas, tendo sido terminada sem o registo de qualquer acidente”, refere a petrolífera espanhola.

A Repsol está presente em mais de 40 países e é líder ibérico na distribuição de combustíveis.

Em Portugal, conta atualmente com uma rede de 453 estações de serviço em todos os distritos do país.