Incêndios

Único presidente eleito pelo Nós, Cidadãos! quer “reerguer Oliveira de Frades”

Paulo Ferreira, o único presidente eleito pelo movimento Nós, Cidadãos! em todo o país, tomou posse este sábado, num dos concelhos mais fustigados pelos incêndios do passado fim de semana.

PAULO NOVAIS/LUSA

O único presidente de Câmara do país eleito pelo partido Nós, Cidadãos! admitiu este sábado que tem pela frente o desafio de lutar pelo “ressurgimento” do concelho de Oliveira de Frades, que foi fustigado pelas chamas na última semana.

“Já fomos fazendo algumas diligências nestes últimos oito dias e nem sempre foi fácil lidar com o desalento de uma comunidade, mas é certa em nós uma vontade enorme de trabalhar em prol do ressurgimento do nosso concelho. Temos um concelho para reerguer e apelo à união de todos”, sustentou Paulo Ferreira.

Durante a cerimónia de tomada de posse, o novo presidente da Câmara de Oliveira de Frades (distrito de Viseu), eleito a 1 de outubro, aludiu aos desafios que tem pela frente, agora com a acrescida responsabilidade de tentar reverter as consequências do incêndio do dia 15 de outubro.

“Foi uma catástrofe, arrisco-me a dizer que foi a maior desde que nasci. Todos nós precisamos, mais do que nunca, de orientar os nossos esforços para reerguer um concelho dizimado pelas chamas”, acrescentou.

Ao longo da sua intervenção, Paulo Ferreira pediu a união de todas as forças vivas do concelho e a ajuda dos concelhos vizinhos, nomeadamente S. Pedro do Sul e Vouzela, que se fizeram representar através dos seus presidentes de Câmara, Vítor Figueiredo (PS) e Rui Ladeira (PSD).

“Pelo vosso traquejo, ao serem já presidentes reeleitos, peço humildemente ajuda para este desafio que agora inicio. Não é sinal de fragilidade quando nós temos a capacidade de reconhecer que precisamos também da vossa ajuda”, apontou.

Aproveitando a presença de Pedro Alves, deputado do PSD, eleito pelo círculo eleitoral de Viseu, o novo autarca deixou o recado de que o seu concelho “precisa muito da ajuda do Governo na nação”.

“Este é seguramente o maior desafio da minha vida e, em tão pouco tempo, foi alterado. Mas, há algo na minha vida que nunca será alterado: a forma de servir, a disponibilidade e a forma de trabalhar”, concluiu.

O partido ‘Nós, Cidadãos!’ venceu em Oliveira de Frades as eleições de 1 de outubro, arrecadando 46,96% dos votos e três mandatos. Paulo Ferreira assume a presidência, enquanto Carlos Pereira e Clara Vieira serão vereadores.

A coligação PSD/CDS-PP conseguiu 40,51% dos votos e elegeu dois mandatos: Paulo Antunes e Abel Dias.

A autarquia era governada pelo PSD desde 1982, sendo presidente de Câmara nos últimos 12 anos Luís Vasconcelos, que ficou arredado desta última ‘corrida’ autárquica devido à lei de limitação de mandatos.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Eleições Europeias

Querida Europa...

Inês Pina

Sabemos que nos pedes para votarmos de cinco em cinco anos, nem é muito, mas olha é uma maçada! É sempre no dia em que o primo casa, a viagem está marcada, em que há almoço de família…

Educação

Aprendizagem combinada: o futuro do ensino

Patrick Götz

Só integrando a tecnologia na escola se pode dar resposta às necessidades do futuro, no qual os futuros trabalhadores, mesmo que não trabalhando na indústria tecnológica, terão de possuir conhecimento

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)