O chefe da diplomacia chinesa, Wang Yi iniciou esta segunda-feira uma vista de dois dias a São Tomé e Príncipe, tendo sido recebido à chegada, no aeroporto, pelo homologo são-tomense, Urbino Botelho, mas não fez declarações à imprensa.

Os dois governantes, e respetivas delegações, dirigiram-se para a cidade, para uma cerimónia de cumprimentos de boas vindas.

Em seguida, as duas delegações tiveram um primeiro encontro de trabalho à porta fechada para debater a cooperação bilateral, segundo fonte diplomática.

Para esta segunda-feira à noite está marcado um jantar oficial numa unidade hoteleira da capital, oferecido pelas autoridades são-tomenses.

Na terça-feira, o chefe da diplomacia chinesa será recebido em audiência pelo Presidente da República, Evaristo Carvalho, e pelo primeiro ministro Patrice Trovoada.