Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Dando continuidade a uma prática que tem vindo a desenvolver nos últimos anos, nomeadamente com o lançamento de edições semelhantes do Série 7, em 2017, do M3, em 2016, e do M5, em 2014, a BMW dá agora a conhecer a edição comemorativa dos 30 anos de existência do seu desportivo descapotável M4 Convertible. Versão especial a que deu o nome de BMW M4 Convertible Edition 30 Jahre e que, mesmo ainda sem preços ou os mercados em que será comercializada, tem desde já a garantia de que não serão produzidas mais do que 300 unidades.

Quanto ao carro propriamente dito, pode dizer-se que tem tudo para cativar. A começar pela inclusão do M Competition Package e de vários outros equipamentos ‘M’, como é o caso da suspensão adaptativa, de um novo sistema de escape e de um diferencial activo. Sendo que o próprio seis cilindros em linha 3,0 litros biturbo viu a sua potência aumentada para os 450 cv.

A par destas melhorias, pequenas alterações também no aspecto exterior, com o objectivo de garantir algumas semelhanças com as anteriores gerações. Exemplo disso é a pintura metalizada Macao Blue, a remeter para o modelo que a marca bávara deu a conhecer no Verão de 1988, ou a Dark Yellow, cor estreada com a segunda geração do M3 Convertible.

Independentemente do tom, o BMW M4 Convertible Edition 30 Jahre contará sempre com aplicações a negro brilhante, na grelha frontal e no lettering, ao mesmo tempo que as jantes, de 20″, exibem um acabamento mate em Orbit Grey.

Já no interior, é de destacar o revestimento completo em pele Merino, além de acabamentos na mesma cor exterior escolhida para o M4 Convertible, sem esquecer a aplicação do lettering “30 Jahre Edition” na soleira das portas e numa placa no tablier, em frente do passageiro. Placa essa que exibe ainda o número da unidade em causa, de um total de 300, fazendo prova dos poucos exemplares que a BMW pensa construir.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR