O presidente executivo (CEO) da Cambridge Analytica, Alexandre Taylor afastou-se do cargo, segundo revelou o site norte americano Politico. Taylor tinha sido escolhido para substituir Alexander Nix, que se demitiu depois de ter rebentado o escândalo que envolveu a utilização indevida de perfis de milhões de utilizadores do Facebook.

Este é o mais recente “abanão” na empresa inglesa de consultoria política que tem estado na boca dos mundo desde o início de março quando foi revelado o seu papel na alegado uso de informação pessoal não autorizada para enviar mensagens de propaganda dirigidas e que terão influenciado as eleições presidenciais americanas.

A empresa anunciou a decisão nesta quarta-feira, 11 de abril, através de um comunicado do próprio Tayler, que afirmava estar a afastar-se do cargo de CEO para “retomar o seu papel enquanto chief data officer“. “Gostávamos de agradecer ao Dr. Taylor todo o trabalho que despendeu nesta altura tão desafiante”, afirmou o conselho diretivo da Cambridge Analytica em comunicado.

Não ficou claro quem seria o novo CEO da empresa.