Programa de Estabilidade

Costa não vê motivos para BE e PCP estarem descontentes com redução do défice

António Costa disse esta sexta-feira que o seu Governo está "a cumprir tudo" com o que se comprometeu" e que não vê razões para o Bloco de Esquerda e o PCP estarem descontentes com a redução do défice

JULIEN WARNAND/EPA

O primeiro-ministro, António Costa, afirmou esta sexta-feira não ver razões para o Bloco de Esquerda e o PCP estarem descontentes com a redução do défice, insistindo que os compromissos assumidos estão a ser cumpridos.

“Se nós estivéssemos agora a alterar alguma das medidas que acordámos no orçamento, se estivéssemos agora a abandonar alguns dos compromissos que assumimos no orçamento, aí sim, havia razões para alguém se queixar. Felizmente, não é essa a circunstância”, declarou.

António Costa, que falava aos jornalistas em Barrancos, no distrito de Beja, reiterou que o seu Governo está “a cumprir tudo” com o que se comprometeu e até “a poder reforçar o investimento em 74 milhões de euros” com o que foi poupado nos juros da dívida.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site