A polícia francesa prendeu mais de cem pessoas durante a madrugada de quinta-feira, depois de alguns grupos de jovens mascarados no Halloween terem causado distúrbios em várias cidades. Os detidos causaram a desordem nas ruas após um apelo nas redes sociais para ser realizada uma “purga” contra a polícia ao estilo do filme de horror, The Purge (2013), dirigido por James DeMonaco.

O filme, considerado de culto por muitos jovens e protagonizado por alguns atores de renome como Ethan Hawke e Lena Headey, conta história de uma realidade distante e distópica na qual todos os crimes são possíveis de cometer, sem qualquer consequência, durante a noite de Halloween.

O ABC avança que desde a introdução da moda americana de se celebrar o Halloween em França, nunca se tinham registado situações tão violentas quanto as da noite de quarta para quinta-feira, que ficou marcada por uma sequência de incêndios e explosões de petardos, em vinte cidades francesas.

Os incidentes começaram nos subúrbios de Paris e em Lyon, onde já tinham sido registadas situações semelhantes desde 2016 durante os festejos de Halloween, tendo havido carros incendiados, janelas apedrejadas e algumas explosões de petardos, que resultara na detenção de vários jovens. Incidentes da mesma natureza sucederam noutras cidades como Poitiers, Nantes, Metz, Rennes, Givors, Viefrance-sur-Saône, entre outras.

Segundo o ABC, Christophe Castaner, ministro do Interior francês, refere que ao todo foram registadas 116 detenções em todo o país e que a disseminação da “purga”, cujo objetivo era copiar a saga The Purge, ocorreu por corrente nas redes sociais e tomou proporções desmedidas.