Donald Trump

Onde Trump vai buscar dinheiro para construir o muro? Casa Branca explica

135

Trump declarou o estado de emergência nacional e indicou que vão ser necessários cerca de sete mil milhões de euros para a construção do muro fronteiriço. De onde virá o dinheiro?

A construção de um muro na fronteira com o México, para travar a imigração ilegal, foi uma das promessas de Trump nas eleições de 2016

ERIK S. LESSER/EPA

A Casa Branca identificou esta sexta-feira os fundos federais que serão utilizados pela administração de Donald Trump para conseguir financiar a construção do muro na fronteira com o México e incluem, por exemplo, verbas para o combate anti-drogas.

O Presidente norte-americano declarou esta sexta-feira estado de emergência nacional na fronteira sul do país, decisão que vai permitir recorrer a fundos federais para conseguir o financiamento para a construção de um muro fronteiriço.

A decisão desta sexta-feira permite a Trump mexer nas verbas federais sem necessitar da aprovação do Congresso, onde a oposição democrata detém a maioria na Câmara dos Representantes (câmara baixa).

Trump indicou que vão ser necessários oito mil milhões de dólares (cerca de sete mil milhões de euros) para a construção do muro fronteiriço, um valor muito superior quando comparado com os quase 1,4 mil milhões de dólares (1,2 mil milhões de euros) que foram acordados entre os representantes democratas e republicanos, após semanas de discussões, para um reforço da segurança na fronteira com o México e assim evitar uma nova paralisação parcial dos serviços federais (‘shutdown’).

Para atingir a nova verba de financiamento, e segundo dados fornecidos pelo chefe de gabinete da Casa Branca, Mick Mulvaney, a administração da Trump irá utilizar a verba acordada entre republicanos e democratas (acordo que aguarda a assinatura presidencial), mais 3,6 mil milhões de dólares (cerca de 3,1 mil milhões de euros) de fundos reservados para a construção na área militar, 2,5 mil milhões de dólares (2,2 mil milhões de euros) são fundos do Departamento de Defesa para atividades do combate anti-drogas e 600 milhões de dólares (531 milhões de euros) de ativos confiscados pelo Departamento do Tesouro.

O valor global agora apontado para o financiamento do muro também é superior aos 5,7 mil milhões de dólares (cerca de cinco mil milhões de euros) inicialmente mencionados por Donald Trump.

A construção de um muro na fronteira com o México, como solução para travar a imigração ilegal, foi uma das mais simbólicas promessas da campanha presidencial de Trump nas eleições de 2016.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)