Os Emirados Árabes Unidos anunciaram esta quarta-feira que o lançamento da sonda “Hope” com destino a Marte programado para quinta-feira a partir do centro espacial do Japão foi adiado novamente devido às más condições meteorológicas.

Inicialmente agendada para terça-feira, a descolagem da primeira missão espacial árabe a Marte tinha sido remarcada para quinta-feira devido às más condições atmosféricas.

“Após longas reuniões, a Agência Espacial dos Emirados Árabes Unidos e o Centro Espacial Mohamed ben Rached, anunciaram, após consultas com a Mitsubishi Heavy Industries, mais um atraso no lançamento da sonda” Hope “, informou esta quinta-feira o governo dos Emirados Unidos na rede social Twitter. O governo explicou que na origem do adiamento está o novo relatório que aponta para condições atmosféricas “instáveis”.

“Uma nova data de lançamento em julho será anunciada em 24 horas”, é referido na nota.

O programa dos Emirados Árabes Unidos é um dos três projetos em curso e que tem como objetivo o planeta Marte, tais como o Tianwen-1, da República Popular da China. A sonda “Hope”, em árabe “Al-Amal”, deveria chegar a Marte em fevereiro de 2021, para assinalar os 50 anos da unificação dos emirados, uma federação de sete Estados.