Olá

831kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

O DJ Valério, uma playlist no Spotify e quatro colunas. Como é a música que se ouve na campanha de Rui Moreira

Este artigo tem mais de 2 anos

Há um DJ entre a comitiva de Rui Moreira, chama-se Valério e revolucionou a forma como decorrem as arruadas do recandidato à câmara do Porto. Já há uma lista do Spotify e quem leve colunas na mão.

i

(Rui Oliveira/Observador)

(Rui Oliveira/Observador)

Colunas ligadas, bluetooth conectado, música no ar. O ritual repete-se a cada arruada de Rui Moreira. Antes da partida, ao mesmo tempo que se preparam folhetos, bandeiras, pulseiras e chapéus, Valério Neto Filipe escolhe o som que vai ser ouvido durante o percurso.

São quatro colunas portáteis espalhadas estrategicamente pelas mãos dos que acompanham a comitiva de Rui Moreira, o homem que está bem colocado para renovar a liderança da Câmara Municipal do Porto (pelo menos é o que dizem as sondagens). No meio da comitiva segue a pessoa responsável pela playlist que dá som a uma arruada com poucos gritos e ainda menos slogans de campanha.

Valério Neto Filipe ou DJ Valério, como alguns lhe chamam, é um dos candidatos à junta de freguesia do Bonfim pelo movimento de Rui Moreira e adora o ambiente das campanhas, mas desta vez lembrou-se de algo melhor quando viu uma pequena coluna durante a primeira arruada.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“Juntei-me à coluna e pedi para pôr música”, conta. A partir daí surgiu a ideia de aumentar o número de colunas e agora é o “DJ de serviço”. Todas as colunas estão conectadas com o telemóvel de Valério, vai mudando de música dependendo do momento da arruada e daquilo que sente. “Vamos tentando ver a dinâmica da campanha, se precisamos de música mais animada, mais calma, mais alto, mais baixo…”

A playlist é assinada pelo próprio. Inspira-se no Porto, na música que gosta e no tipo de som que mete com Pedro Dias Ferreira, com quem tem o projeto “It Sounds Better With Us” e não se deixa desviar pelos caminhos da música tradicional de campanha. Mantém-se na “música alternativa e na eletrónica alternativa”.

(Rui Oliveira/Observador)

Pelo caminho, não faltam artistas portugueses, desde Pedro Abrunhosa a Táxi e Ban, mas a banda que arranca os poucos cânticos de quem segue atrás de Rui Moreira é mesmo os GNR com a música “Efetivamente”. Na hora do refrão, parece um hino de campanha.

Até agora há praticamente quatro horas de música, mas o DJ de serviço promete que o número pode aumentar em breve.

 
Assine um ano por 79,20€ 44€

Não é só para chegar ao fim deste artigo:

  • Leitura sem limites, em qualquer dispositivo
  • Menos publicidade
  • Desconto na Academia Observador
  • Desconto na revista best-of
  • Newsletter exclusiva
  • Conversas com jornalistas exclusivas
  • Oferta de artigos
  • Participação nos comentários

Apoie agora o jornalismo independente

Ver planos

Oferta limitada

Já é assinante?
Apoio a cliente

Para continuar a ler assine o Observador
Assine um ano por 79,20€ 44€
Ver planos

Oferta limitada

Já é assinante?
Apoio a cliente

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.

Apoie o jornalismo. Leia sem limites. Verão 2024.  
Assine um ano por 79,20€ 44€
Apoie o jornalismo. Leia sem limites.
Este verão, mergulhe no jornalismo independente com uma oferta especial Assine um ano por 79,20€ 44€
Ver ofertas Oferta limitada