Desde que foi eleito em 2016, o presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump, tem sido uma das figuras mais comentadas nas redes sociais. Consequentemente, também é um dos alvos preferenciais de quem dissemina informações falsas. No passado dia 14 de abril, surgiu uma publicação no Facebook onde era possível ver uma fotografia da mãe de Trump, Mary Anne Trump, acompanhada da seguinte frase: “Sim, ele é um idiota com zero senso comum e sem capacidades sociais, mas é meu filho. Só espero que nunca vá para a política. Seria um desastre”, lê-se na imagem. Esse post chegou às 35,2 mil visualizações e às 581 partilhas. No entanto, essa citação é falsa.

Uma das publicações, que mostra frase falsa de mãe de Trump em inglês, mas partilhada em Portugal a 14 de abril

Primeiro, olhando para a fotografia, não é possível identificar a data em que a citação foi proferida e, logo aí, é mais difícil acreditar que possa ser verdadeira. Depois, não é possível encontrar nenhum registo na internet de que esta citação tenha sido proferida por Mary Anne, como contava a Reuters, a 17 de abril.

A única citação que demonstra tal desconfiança em relação ao filho pode ser encontrada nos anos 1990, quando Mary Anne perguntou à primeira ex-mulher do presidente dos EUA, Ivana Trump, que estava a prestes a divorciar-se do filho, o seguinte: “Que tipo de homem é que eu criei?”, como conta a revista Vanity Fair. Nessa altura, surgiam notícias que davam conta de um suposto envolvimento de Trump com a atriz Marla Maples, a par de uma difícil situação financeira, repleta de dívidas bancárias.

Apesar de esta citação — “Que tipo de homem é que eu criei?” — ser atribuída à mãe de Trump e evidenciar alguma suspeição face ao filho, o artigo da Vanity Fair não garante em “on” que essa frase tenha sido mesmo dita. Diz apenas que se acredita que terá dito.

A Daily Caller News Foundation, fundação que pertence ao Daily Caller, conotado com o lado republicano, também não encontrou nenhum registo da frase inicial (em que a mãe diz que o filho é um “idiota” e que espera que nunca vá para a política), como explica o site CheckYourFact. Este site de verificação de notícias vai ainda mais longe, tendo procurado nos arquivos se seria possível encontrar algum registo audiovisual. Foram encontrados vídeos de Mary Anne Trump a falar em 1992 e 1994, mas neles Mary Anne não descreve o filho como sendo um idiota que não se deveria meter na política.

Aqui é possível a circunstância em que Mary Anne Trump falou do filho em 1992:

E, neste caso, a ocasião em que falou do filho em 1994:

E mesmo apesar de Donald Trump ter lançado o rumor de que gostaria de se candidatar à presidência dos EUA nos anos 1990 — como comprovado num artigo do Washington Post da altura — a mãe nunca foi apanhada a dizer tal citação nessa época.

Donald Trump não fala habitualmente das suas raízes maternas, nem sequer é fácil encontrar referências ao seu passado no site oficial de presidência. É muito mais comum ouvir Trump a falar sobre o pai, de quem tem uma fotografia individual na Sala Oval.  Ainda assim, há referências à mãe. Por exemplo, no livro “The Art of the Comeback” (1997), é possível ler o seguinte: “Parte do problema que tive com mulheres é porque tenho de compará-las à incrível mãe que tive. Ela era muito inteligente”, escreveu o presidente norte-americano.

Donald Trump chegou mesmo a falar de Mary Anne na sua conta de Twitter, referindo que a mãe era de uma “grande beleza” e uma “pessoa fantástica”.

A citação falsamente atribuída à mãe de Trump, em forma de meme, não é nem de agora nem sequer surgiu nas redes sociais em 2016, quando Trump se candidatou de facto à Casa Branca, e venceu. Segundo o site CheckYourFact, o meme surgiu no ano passado, 19 anos depois do falecimento da mãe. Segundo o Snopes, outro site de fact-checks, a frase poderia ter vindo da irmã de Trump, Maryanne, que tem um nome muito semelhante ao da mãe, mas também não foi encontrada qualquer citação nesse sentido.

Também o site Politifact tinha chegado exatamente à mesma conclusão: esta citação nunca teria sido proferida pela mãe de Donald Trump.

A título de curiosidade, a mãe de Donald Trump morreu em 2000, depois de ter emigrado para os Estados Unidos, vinda da Escócia, nos anos 30. O seu nome de solteira era MacLeod, nascida numa comunidade piscatória em Tong, perto de Stornoway, tendo estado registada nos censos de Nova Iorque, cidade onde se estabeleceu como “criada” ou “doméstica”, segundo conta a The New Yorker . Em 1936 casou com Fred Trump, com quem teve cinco filhos, incluindo o atual presidente norte-americano.

Conclusão

A 14 de abril, surgiu uma imagem no Facebook que dava conta de uma suposta frase que Mary Anne Trump, mãe do atual presidente dos Estados Unidos da América, tinha dito: “Sim, ele é um idiota com zero senso comum, sem capacidades sociais, mas é meu filho. Só espero que nunca vá para a política. Seria um desastre”. Essa citação não é verdadeira. Primeiro, porque na imagem não é possível ver a data em que foi proferida, o que evidencia que, no mínimo, poderia ter sido descontextualizada; depois, porque não há registo público desta citação. E apesar de Donald Trump não falar tão abertamente da mãe como fala do seu pai, Fred Trump, vários sites de fact-checks não conseguiram encontrar quer em arquivos, quer noutros meios de comunicação, qualquer citação semelhante dita pela mãe do presidente norte-americano.

Assim, segundo a classificação do Observador, este conteúdo é:

Errado

No sistema de classificação do Facebook este conteúdo é:

FALSO: as principais alegações do conteúdo são factualmente imprecisas. Geralmente, esta opção corresponde às classificações “falso” ou “maioritariamente falso” nos sites de verificadores de factos.

Nota: este conteúdo foi selecionado pelo Observador no âmbito de uma parceria de fact checking com o Facebook.

IFCN Badge