Logo Observador
Bentley

Vende-se bem? Então, haja Bentayga com fartura

Primeiro SUV da história da Bentley, o Bentayga poderá vir a ter companhia. Não propriamente de um novo modelo, mas sim de variantes. A começar por um Coupé ou um GTR 3.

Autor
  • Francisco António

Consumada a estreia no hoje em dia muito apetecível segmento SUV e crossover, a Bentley prepara já o aumento da oferta, nomeadamente através de novas variações do único modelo do género comercializado pelo fabricante de Crewe, o Bentayga. Quem o revela é o próprio CEO da Bentley, o alemão Wolfgang Durheimer, que inclusivamente aponta duas variantes possíveis: um coupé e uma versão GTR 3!

“As derivações são importantes para nós, uma vez que temos de tentar ser sempre a novidade, para os clientes”, afirma, em declarações à britânica Autocar, Durheimer. “Teremos, em breve, um extenso número de concorrentes neste segmento, que já estão a trabalhar nos respectivos SUV de luxo”, acrescenta. Por isso, mesmo com o sucesso já alcançado pelo Bentayga, é preciso que a Bentley não se deixe adormecer sobre os louros, defende o mesmo responsável.

Segundo o CEO da marca de luxo britânica, “este tipo de cliente adora possuir a última novidade em termos de design”, pelo que, numa altura em que no horizonte surgem já rivais como o Rolls-Royce Cullinan, o Lamborghini Urus ou o Audi Q8, a Bentley está já a debater a possibilidade de acrescentar um novo modelo à sua gama. Que, nesta fase ainda prematura do processo e apesar das inclinações de Durheimer, tanto poderá ser um roadster de dois lugares, derivado do recentemente apresentado protótipo EXP 12 Speed 6e, como mais um SUV.

Porém, e procurando também colocar alguma água na fervura, o alemão salienta que, qualquer que seja o modelo escolhido, este nunca chegará antes de 2022. Não deixando, contudo, de reafirmar a sua preferência por um Bentayga mais pequeno, ao invés de um roadster de dois lugares.

Mais diesel? É que nem pensar!

Além de ser o primeiro SUV na história da marca, o Bentayga é também o primeiro modelo da Bentley a ser disponibilizado com um motor a gasóleo. Situação que, mesmo com a procura que o modelo tem vindo a registar, Wolfgang Durheimer recusa poder estender-se a outros modelos da marca de Crewe.

Pelo contrário, segundo avança a Autocar, uma derivação do Bentayga como as atrás citadas, seja uma variante coupé ou um GTR 3 (semelhante, por exemplo, à versão existente no modelo Continental), poderá surgir já com o próximo facelift do SUV da Bentley, previsto para 2019.

Ainda antes disso, a marca deverá começar por dedicar os seus esforços à nova geração do Continental GT, cuja apresentação mundial está agendada já para este Verão.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Venezuela

O drama da comunidade portuguesa na Venezuela

Daniel Bastos

A falta de segurança e o caminho que a Venezuela parece seguir rumo ao abismo estão a levar muitos emigrantes a regressarem para Portugal, sendo já notório que há cada vez mais a voltarem à Madeira.

Família

Guerra e Paz

Margarida Alvim

Há muitas famílias assim. Conjuntos de pessoas que vivem debaixo do mesmo tecto. Os pais sabem de todos, mas cada irmão sabe de si. A razão só pode ser uma: falta de confiança. E falta de amizade.

Catolicismo

Medjugorje: solução à vista?

P. Gonçalo Portocarrero de Almada

Para um cristão a investigação sobre as supostas aparições de Medjugorge faz sentido, pois deve conhecer a solidez das suas convicções e estar preparado para responder a quem lhe pedir razão da espera