A Estradas de Portugal (EP) adjudicou à Rosa Construtores um contrato no valor de 4,4 milhões de euros, destinado a assegurar a conservação das vias rodoviárias do distrito de Bragança durante os próximos três anos, revelou a empresa em comunicado. O acordo será válido entre 2014 e 2016 e abrange a execução de obras em 970 quilómetros de estradas e 189 pontes viadutos e outras travessias localizadas na região.

A empresa adjudicante sublinha, no mesmo documento, que “o valor obtido neste novo contrato é cerca de 54% mais baixo do que o custo contratado no triénio 2010/2013, que tinha sido de cerca de 9,7 milhões de euros”. O concurso ganho pela Rosa Construtores foi lançado em julho de 2013 com o preço base de 6,2 milhões de euros e entraram na corrida oito empresas, referiu a EP.

O custo de conservação por quilómetro da rede da Estradas de Portugal no distrito de Bragança, prossegue o comunicado, “baixou dos anteriores 3.359 euros anuais entre 2010 e 2013, para 1.537 de euros por ano nos próximos três anos”.