Quando chegam as férias de verão, os planos ganham outra abordagem: descontraída, menos rotineira e mais divertida. Contudo, é nesta altura que os pais têm de pôr a imaginação a trabalhar para estar à altura da exigência e do tempo disponível que os filhos passam a ter.

Para ajudar nesta importante tarefa, o Observador procurou, de norte a sul, atividades variadas para ocupar o tempo livre das crianças. Como surpreendê-las não é fácil, reunimos várias que vão desde tardes passadas na horta a desfiles em passerelles.

Sul

Há por aí exploradores? A proposta do Oceanário de Lisboa para este verão é para eles: uma volta ao mundo em 10 dias, nas “Férias debaixo de água”. Aqui, as crianças ficam a conhecer o mundo e a sua biodiversidade através de um cruzeiro pelo Mediterrâneo. Praias exóticas, montanhas gigantes e florestas tropicais são alguns dos cenários por onde os aventureiros vão passar. Às atividades nesses locais juntam-se passeios de barco, aulas de canoagem, viagens de teleférico, piqueniques e jogos ao ar livre. A aventura começa a 22 de junho e termina a 11 de setembro. O preço por dia, por participante, é de 40€. Há ainda a possibilidade de comprar um pacote de quatro dias por 150€ e um pacote de cinco por 180€. Mais informações aqui.

Pegar em lixo e objetos do quotidiano e fazer uma rua onde cada um gostasse de viver, é o que se pretende com a atividade “A minha rua é uma paisagem”. Os arquitetos participantes vão projetar um bairro num vaso. A morada para esta atividade é a Fábrica das Artes do CCB, em Belém. Cada semana (de 6 a 10 de julho ou de 13 a 17) tem o valor de 85,30€, mas há a possibilidade de trabalhar na maquete só num dia, por 21,30€, ou meio dia, pagando 10,65€.

Na Quinta Pedagógica dos Olivais há uma “Farmácia Rural” aberta a farmacêuticos com mais de seis anos. Aqui, através de conhecimentos antigos e de plantas da quinta, os profissionais de saúde vão ajudar a curar pacientes com xaropes, pomadas e outras mezinhas que eles próprios prepararam. A atividade acontece no dia 5 de julho, mas há mais propostas que exploram o contacto com a natureza para serem conhecidas aqui. Atividade gratuita, mediante marcação por telefone (21 855 0930), e-mail (quinta.pedagogica@cm-lisboa.pt), presencialmente (na Secretaria da Quinta), ou clicando aqui:

Em Cascais, na Quinta Pedagógica Armando Villar, no dia 27 de junho pratica-se “Ioga para crianças”. O objetivo desta iniciativa é “o desenvolvimento do potencial da criança como um todo com as suas capacidades criativas, intuitivas, éticas, físicas, emocionais e intelectuais”, explica Elisabete Cortegano, coordenadora geral da quinta. As aulas são sempre acompanhadas por música e exercícios de relaxamento, e os pais também fazem parte deste momento tão equilibrado. Para participar, uma criança e um adulto pagam na totalidade 10€.

Deliciosas vão ser as férias passadas na cozinha do Petit Chef, de 15 de junho a 7 de agosto, em Oeiras. Coordenados pela chef Joana Byscaia, os cozinheiros com idades até aos 16 anos vão aprender as bases da cozinha e os benefícios de uma alimentação saudável, quando é praticada a sério no dia-a-dia. Cinco dias de aprendizagem custam 160€ para crianças dos oito aos 11 anos e 180€ para crianças dos 12 aos 16.

Fotografia, animação, vídeo, música e videojogos. Estes são os conteúdos criativos a explorar na Restart, Instituto de Criatividade, Artes e Novas Tecnologias. Pretende-se que se desenvolvam capacidades e competências práticas de comunicação e expressão, através da criatividade e do uso de novas tecnologias. Há duas semanas de trabalho, a primeira de 29 de junho a 3 de julho, a segunda de 6 a 10 de julho. A atividade tem um custo de 160€.

No Museu Coleção Berardo, em Lisboa, a “Semana da Moda” é destinada a estilistas e designers até aos seis anos. As obras dos artistas expostos no museu são a fonte de inspiração para a criação de uma inovadora coleção de roupa e acessórios. Depois de ter sido criada a coleção de verão, os estilistas vão apresentá-la num desfile. Preço: 105€. Mais pormenores sobre a atividade aqui

03_-_semana-da-moda

Há também a possibilidade de optar por umas férias no campo. Nas “Férias no Património no Campo”, do Mundo Património, o objetivo é aproximar crianças e jovens do património português. É por isso que no mês de julho há, por exemplo, um “Atelier de sabores Alentejanos”, “Bailarico” e “Contos Tradicionais à Lanterna”. Todas estas atividades, cujo valor semanal é de 270€, decorrem no Alvito (Alentejo).

4 fotos

Centro

Estão de férias, é certo, mas quando há a oportunidade de ter acesso à Licenciatura de Brincologia, na Universidade de Coimbra, sem pré-requisitos, não há como não regressar às aulas. A oferta pedagógica é reforçada com o mestrado em atividades didáticas, o doutoramento em artes e o post doc em traquinice. Esta experiência em contexto académico, no ATL de verão UC, decorre durante o mês de agosto. O preço das propinas semanais é de 65€, as diárias são de 15€.

Ir até Carvalhais, ao Bioparque São Pedro do Sul, é também uma boa opção. Isto porque aqui vive-se a montanha no seu pleno. Entre os percursos pedestres e os percursos das sensações, os jogos da natureza ou até caças ao tesouro e orientação noturna, há sempre contacto com a fauna e a flora. O preço varia consoante a atividade (entre os 3€ e os 15€) — os valores podem ser consultados aqui.  

No Parque Tecnológico de Óbidos há atividades até setembro, para ocupar as férias escolares. As atividades estão abertas a crianças com necessidades educativas especiais e são compostas por ateliês de expressão, música, culinária e cerâmica. A entidade organizadora promete “aventura, descoberta e muita diversão para todos, num espaço onde a tranquilidade, a natureza e a animação imperam”. Durante a participação neste programa, há ainda a possibilidade de fazer passeios e visitas em Óbidos. Preços: 40€ (por semana), 75€ (quinzenal), 150€ (mensal). Há descontos para quem levar o irmão.

Em Aveiro, há a oportunidade de passar alguns dias no Museu de Santa Maria de Lamas. De 15 de junho a 11 de setembro, há diferentes atividades preparadas para os mais pequenos: “Alice no Museu das Maravilhas”, “O mistério do desaparecimento das roupas do sobreiro” e “As Estações do Ano no Museu”. Nestas atividades, os participantes vão realizar visitas, fazer jogos, participar em oficinas diversas e ser protagonistas de uma história de fantasia. Para além disso, os jardins do museu vão estar à disposição para piqueniques em família. Cada atividade tem o custo de 3€.

Alice-no-pais-das-maravilhas

Norte

No Porto, o Sea Life organiza campos de férias durante o dia — à semana –, e durante a noite — ao fim de semana , de 22 de junho a 31 de julho. Passar uma noite com os tubarões é uma das propostas mais originais, em que a vista privilegiada para o aquário permite descobrir comportamentos das espécies e ter uma noite fora de casa bastante diferente das habituais. Cada criança paga 49€ pela experiência.

“Faz-te às férias” — o nome não podia estar mais apropriado. Este programa pretende que as crianças aproveitem as férias a descobrir os cinco sentidos. Assim, os participantes vão “saborear o verão, pôr as mãos na terra, descobrir os aromas da horta, distinguir os sons da quinta e observar os bichos do solo“. As atividades decorrem de 6 a 11 de julho, em Vila Nova de Gaia. Preço por campo de férias: 150€.

“Ups e agora?” e “Selfies (e outras aventuras fotográficas)” são duas das atividades das “Oficinas nas Férias” da Fundação Serralves, no Porto. Pretendem “motivar aprendizagens que valorizam a curiosidade e a criatividade, tendo como ponto de partida o contacto com a arte e a natureza”. As oficinas estão abertas até ao dia 4 de setembroO preço por cada oficina (5 sessões), por criança, é de 60€.

No Zoo da Maia, os animais estão prontos para começar as “Férias no Zoo”. Neste jardim zoológico, para além das crianças e jovens estarem em contacto com aves, répteis, leões-marinhos e outras espécies, vão desenvolver atividades diversas, como ateliês de jardinagem, pedizoopaper, “dar de comer à bicharada”, dança, pintura e outras que se encontram aqui. 60€ é o preço das semanas que decorrem de 20 de julho a 7 de agosto.

Boas férias!