Igreja Católica

Abusos sexuais. Papa Francisco convoca reunião inédita com líderes da Igreja de todo o mundo

294

O Papa Francisco convocou os líderes das conferências episcopais de todo o mundo para uma reunião dedicada ao tema da proteção de menores, anunciou o Conselho de Cardeais.

Getty Images

O Papa Francisco convocou os líderes das conferências episcopais de todo o mundo para uma reunião dedicada ao tema da proteção de menores, anunciou o Conselho de Cardeais, órgão consultivo do pontífice, em comunicado.

O encontro decorrerá na cidade do Vaticano entre 21 e 24 de fevereiro de 2019.

Segundo o comunicado divulgado esta quarta-feira, o Conselho dos Cardeais refletiu “juntamente com o Santo Padre sobre o tema dos abusos”.

Já esta segunda-feira, o mesmo órgão consultivo tinha anunciado que a Santa Sé deveria prestar, em breve, todos os esclarecimentos necessários sobre os escândalos que abalaram a Igreja Católica nas últimas semanas.

As conferências episcopais são os órgãos máximos da Igreja Católica em cada país, reunindo todos os bispos do país respetivo.

A Conferência Episcopal Portuguesa é presidida atualmente pelo cardeal-patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente.

Na semana passada, os bispos portugueses escreveram uma carta ao Papa Francisco a unirem-se ao líder da Igreja Católica na sua política de tolerância zero contra os abusos.

No documento, os bispos agradeceram ao Papa “a oportuna e corajosa Carta ao Povo de Deus, sobre o drama do abuso de menores por parte de membros responsáveis da Igreja”.

“Neste momento, perante tentativas de pôr em causa a credibilidade do Seu ministério, queremos manifestar-Lhe a nossa fraterna proximidade e o total apoio à Sua pessoa, a plena comunhão com sua missão de Pastor universal e completa adesão ao Seu magistério”, escreveram ainda.

Agora que entramos em 2019...

...é bom ter presente o importante que este ano pode ser. E quando vivemos tempos novos e confusos sentimos mais a importância de uma informação que marca a diferença – uma diferença que o Observador tem vindo a fazer há quase cinco anos. Maio de 2014 foi ainda ontem, mas já parece imenso tempo, como todos os dias nos fazem sentir todos os que já são parte da nossa imensa comunidade de leitores. Não fazemos jornalismo para sermos apenas mais um órgão de informação. Não valeria a pena. Fazemos para informar com sentido crítico, relatar mas também explicar, ser útil mas também ser incómodo, ser os primeiros a noticiar mas sobretudo ser os mais exigentes a escrutinar todos os poderes, sem excepção e sem medo. Este jornalismo só é sustentável se contarmos com o apoio dos nossos leitores, pois tem um preço, que é também o preço da liberdade – a sua liberdade de se informar de forma plural e de poder pensar pela sua cabeça.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: jfgomes@observador.pt
Igreja Católica

O Papa, o bispo e o padre /premium

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
1.278

«Isto é um escândalo! É melhor não ir à igreja: vive assim, como ateu. Mas, se vai à igreja, […] dê um verdadeiro testemunho, não um contratestemunho».

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)