A edição de julho/agosto da revista Forbes Portugal chega às bancas esta quarta-feira, 3 de julho, e revela a lista dos portugueses mais ricos, com um elenco de 50 milionários com uma fortuna agregada de 24 mil milhões de euros, que representa cerca de 12% do PIB.

É a segunda vez que a publicação elabora este ranking, que percorre diferentes setores, e caras mais ou menos conhecidas do grande público. Da indústria à tecnologia, da moda ao mundo do futebol, a lista deste ano é composta por 36 homens e 14 mulheres, que são donos de fortunas líquidas acima dos 190 milhões de euros.

Alguns dados merecem especial destaque nesta tabela, a começar por este: “A maioria dos milionários nasceu rico: quase dois terços tornaram-se milionários após herdar uma fortuna dourada. Apenas 18 construíram fortuna a partir do zero”, conclui a Forbes, que elege para a capa José Neves, fundador e líder da Farfetch, e que se inscreve naquele última categoria.

Depois de constar no Top 10 da lista de 2018, figura na quarta posição do ranking deste ano com uma fortuna líquida avaliada em 1010 milhões de euros. A mesma onda de sucesso atingiu Mário Ferreira. Conhecido como o “Tubarão do Douro”, vendeu recentemente 40% da Mystic Invest Holding e, com isso, entrou de rompante para o Top 20, com uma fortuna de 354 milhões de euros.

Mas a lista, que este ano inclui várias novidades, continua a ser liderada por Fernanda Amorim, a pessoa mais rica de Portugal. A Forbes destaca, por exemplo, Luís Amaral, principal acionista da retalhista polaca Eurocash (e principal acionista do Observador): com uma fortuna líquida de 527 milhões de euros, o empresário ocupa a 8.ª posição do ranking. Fora do Top 10, destaque para Paulo Rosado, líder da Outsystems, que acumula uma fortuna acima dos 300 milhões de euros; Manuela Medeiros, fundadora e líder da Parfois, com uma fortuna de 290 milhões de euros; e para duas estrelas do mundo do desporto: Cristiano Ronaldo, dono de uma fortuna líquida de 439 milhões de euros, e o “super agente” Jorge Mendes, que através da Gestifute e de vários investimentos imobiliários acumula uma fortuna de 263 milhões de euros.

Em baixo, confira a lista completa dos 10 mais ricos 

1.        Maria Fernanda Amorim & família

Fortuna: 4173 milhões de euros

Principais ativos: Galp, Corticeira Amorim, Tom Ford e imobiliário

2.        Alexandre Soares dos Santos & família

Fortuna: 3554 milhões de euros

Principais ativos: Jerónimo Martins e Walk’in Clinics

3.        Vítor da Silva Ribeiro & família

Fortuna: 1192 milhões de euros

Principais ativos: Alves Ribeiro Construção, Banco Invest e Mundicenter

4.        José Neves

Fortuna: 1010 milhões de euros

Principais ativos: Farfetch

5.        Dionísio Pestana

Fortuna: 681 milhões de euros

Principais ativos: Grupo Pestana

6.        Maria Isabel Martins dos Santos

Fortuna: 574 milhões de euros

Principais ativos: Jerónimo Martins

7.        Fernando Figueiredo dos Santos

Fortuna: 529 milhões de euros

Principais ativos: Jerónimo Martins

8.        Luís Amaral

Fortuna: 527 milhões de euros

Principais ativos: Eurocash e Stock Spirits

9.        Luís Vicente

Fortuna: 525 milhões de euros

Principais ativos: Grupo Luís Vicente e Refriango

10.      Luís Portela & família

Fortuna: 502 milhões de euros

Principais ativos: Bial