Os organizadores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio2020 têm estado a testar desde o início da semana várias medidas de prevenção para a Covid-19, que se juntarão às habituais medidas de segurança de grandes eventos.

Durante os testes, foram verificadas as funcionalidades de dispositivos como detetores de metais, scanners, câmaras térmicas e termómetros com infravermelhos, e foi pedido aos participantes que cumprissem as distâncias de segurança.

“Queremos testar várias medidas contra a pandemia de Covid-19”, afirmou o diretor de segurança do comité organizador, Tsuyoshi Iwashita, garantindo que um dos principais objetivos dos testes é mostrar que a organização “está a trabalhar para garantir a segurança durante os Jogos”.

Iwashita lembrou que o comité organizador “ainda não decidiu as medidas finais a adotar”, no que se refere à desinfeção, e explicou que está a ser estudo um protocolo para um eventual surto de casos de Covid-19 entre os voluntários, que já estão a trabalhar.

Devido à pandemia de Covid-19, os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio2020 foram adiados para o verão de 2021.