Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Os alvos estão identificados e as tropas em movimento. Mas as indefinições em torno dos generais que vão liderar as investidas do PSD nas próximas eleições autárquicas persistem. Rui Rio e a direção do partido têm identificadas como absolutamente prioritárias 36 autarquias por todo o país, entre capitais de distritos e concelhos com mais de 100 mil habitantes. Dessas, 12 são do PSD e é proibitivo perdê-las. Nas restantes, a ordem é para fazer tudo para crescer em número de mandatos e vereadores. Se for possível vencer, melhor ainda.

Rui Rio sabe que o seu futuro como presidente do PSD está umbilicalmente ligado ao desempenho do PSD nas próximas autárquicas. Aliás, na quinta-feira, em entrevista ao Observador, o líder social-democrata admitiu isso mesmo: “Se tiver um mau resultado assumo a responsabilidade. Eu sou o primeiro a elevar a importância das autárquicas. Não há aqui nada a atenuar: as autárquicas são muito importantes para o PSD, ponto”.

Resta saber que bitola Rui Rio definiu para si mesmo — se é que já definiu alguma — para medir o sucesso da sua estratégia. “Não há número mágico nenhum”, cortou a eito nessa mesma entrevista ao Observador. O seu núcleo duro tem algumas ideias.

Critério 1: o número de autarquias conquistadas, o mais evidente. Nesse capítulo, de resto, é praticamente impossível fazer pior — em 2017, o PSD ficou com apenas 98 Câmaras e o PS com 159. Critério 2: o tipo de câmaras conquistadas. “É mais relevante conquistar uma câmara de grande dimensão do que quatro ou cinco inexpressivas“, diz ao Observador fonte da direção do PSD. Critério 3: mesmo perdendo, subir o número de votos e vereadores conquistados nas principais autarquias. O PSD foi varrido do mapa em Lisboa e Porto e perdeu há muito a influência que tinha em Sintra e Gaia. Para se afirmar como alternativa no país, acredita a atual direção do PSD, é preciso crescer nestas autarquias.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.