Barack Obama não foi o primeiro presidente negro dos Estados Unidos, alega uma publicação, datada de 2015, e que está, de novo, a ser partilhada no Facebook.

A notícia é completamente falsa e usa duas personagens históricas com o mesmo nome — John Hanson, e não Hansen como aparece escrito na rede social — para tentar criar a ideia de que uma personagem afro-americana foi apagada da História, ao mesmo tempo que nega o feito de Obama que, a 21 de janeiro de 2009, foi empossado como o 44.º presidente do país, tornando-se no primeiro negro a ocupar o mais alto cargo político do país.

“Barack Obama nunca foi o primeiro presidente negro. John Hansen foi o primeiro presidente negro e foi também o primeiro presidente dos Estados Unidos ainda antes de George Washington. Nunca ouvimos falar dele na História”, lê-se na publicação que circula nas redes sociais.

Na publicação lê-se que Obama não foi o primeiro presidente negro dos EUA, o que é falso

O que é, então, verdade e o que é falso? O John Hanson da imagem era um escravo que, depois de alcançar a liberdade, em 1827 viajou dos Estados Unidos para a costa ocidental africana, como aconteceu à época com muitos outros negros libertados, que foram enviados, através da Sociedade Americana de Colonização, para uma parcela de terra que esta havia comprado na região do Cabo Mesurado – e que em 1824 viria a receber o nome de Libéria (terra livre, em latim).

Só mais de vinte anos depois, em 1847, os antigos escravos proclamariam a independência, fundando a República da Libéria. Ali, Hanson acabaria por desenvolver a sua atividade política, tendo chegado a senador.

Muito antes disso, no século XVIII, um outro John Hanson, um homem branco, foi eleito, em novembro de 1781, como o primeiro presidente do Congresso Continental dos EUA — órgão que é considerado o primeiro governo nacional do país. É a esse cargo e a esse Hanson que a publicação se refere.

Conclusão:

A informação é falsa. Na publicação confundem-se duas pessoas com o mesmo nome, John Hanson, acabando por se escrever com grafia errada o apelido (Hansen). O John Hanson da imagem foi um afro-americano que emigrou para a Libéria, onde desenvolveu a sua atividade política. Houve, de facto, um John Hanson, mas ele era branco e não negro, que em novembro de 1781 foi eleito como o primeiro presidente do Congresso Continental dos EUA.

Segundo a classificação do Observador, este conteúdo é:

ERRADO

No sistema de classificação do Facebook, este conteúdo é:

FALSO: As principais alegações do conteúdo são factualmente imprecisas. Geralmente, esta opção corresponde às classificações “falso” ou “maioritariamente falso” nos sites de verificadores de factos.

Nota: este conteúdo foi selecionado pelo Observador no âmbito de uma parceria de fact checking com o Facebook.

IFCN Badge