Caso José Sócrates

Primo de Sócrates troca nacionalidade portuguesa por brasileira

1.130

O primo de Sócrates, João Paulo Pinto de Sousa, renunciou à nacionalidade portuguesa e é, desde 2016, cidadão brasileiro, noticia a SIC Notícias. O MP acredita que é "testa de ferro" de Sócrates.

LUIS FORRA/LUSA

João Paulo Pinto de Sousa, primo de José Sócrates, é, desde o ano passado, cidadão brasileiro, tendo renunciado à nacionalidade portuguesa.

Casado com uma brasileira e com negócios e casa numa pequena cidade em Mato Grosso do Sul, João Paulo Pinto de Sousa efetuou o pedido de nacionalidade brasileira em 2015 e, em dezembro do ano passado, foi o ato oficial da entrega do certificado, depois de o pedido ter sido aceite e publicado no Diário Oficial da União no verão, conta a SIC Notícias, esta sexta-feira.

O Ministério Público acredita que o primeiro de José Sócrates, que vive há vários anos em Angola serviu de intermediário em vários negócios e enviou dinheiro para a conta de Santos Silva. Em maio deste ano foi cumprida a carta rogatória que o Ministério Público enviou há meses para Luanda, mas por essa altura, fica-se agora a saber, já João Paulo Sousa era cidadão brasileiro.

A SIC Notícias diz ainda que o Ministério Público descobriu que em caso de morte de Santos Silva seria João Paulo Pinto de Sousa o beneficiário de 80% de uma Fundação titular de uma offshore para onde alegadamente era enviado o dinheiro de Sócrates.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mcarrico@observador.pt
Caso José Sócrates

Os instrumentalizados

Helena Matos
1.612

Eles agarram-se agora à caricatura de um Sócrates super-vilão. Eles são os instrumentalizados. Apoiaram Sócrates, muitos estiveram nos seus governos e agoram fazem de conta que foram enganados. 

Caso José Sócrates

Santana e ... Sócrates

João Marques de Almeida
531

Sócrates não chegou ao poder nem o exerceu sozinho. Foi eleito primeiro-ministro como líder do PS. Nenhum dirigente do PS sente um pouco mais do que um mero “incómodo” com o que se passa com o ex-PM?

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site