Os fritos, os doces e as gorduras são os grandes responsáveis pelo consumo calórico neste período de festas. Mas não podemos esquecer a quantidade de bebidas alcoólicas ingeridas — e as consequentes calorias. Eis uma medida que pode conduzir os cidadãos americanos a sintomas depressivos. Mas as lições podem ser aprendidas por todos. A partir de novembro de 2015, os consumidores americanos vão poder ver o número de calorias de todas as refeições e bebidas servidas em cadeias de restaurantes, máquinas de venda automática ou espaços de take-away.

A medida foi decretada pela FDA (Food and Drugs Administration), que justifica a introdução da rotulagem calórica das bebidas alcoólicas como uma questão de “saúde pública”. O álcool é um dos produtos que contém mais calorias, sem que a maioria das pessoas saiba ou dê por isso. Margo Wootan, membro do Center for Science in the Public Interest (Centro para a Ciência em prol do Interesse Público), uma associação sem fins lucrativos que trabalha para a segurança e saúde dos alimentos, diz que as bebidas alcoólicas contribuem “em larga medida” para o número de calorias que os americanos consomem. “Na maioria das vezes, não têm noção do impacto calórico que determinada bebida tem”.

A organização governamental “Rethinking Drinking” (Repensar o consumo de bebidas) já se antecipou e criou uma tabela com as calorias de muitas bebidas alcoólicas. O resultado pode ser visto na fotogaleria acima. Se quiser consultar a tabela completa, veja aqui.