No sábado, o famoso traficante de droga mexicano, El Chapo, escapou (outra vez) de uma prisão de alta segurança no México, a de Altiplano. Escavou um túnel de 1,5 quilómetros até a um edifício fora do perímetro de segurança e pôs-se em fuga.

Mas está longe de ser um caso único: ao longo do tempo, vários outros criminosos conseguiram a mesma façanha – com ou sem a ajuda das autoridades. Alguns foram capturados de novo, outros ainda estão em liberdade. Inspirado numa listagem da BBC, o Observador reuniu as seis fugas da prisão mais fantásticas.

1. A primeira fuga de El Chapo

Mexican drug trafficker Joaquin Guzman Loera aka "el Chapo Guzman" (C), is escorted by marines as he is presented to the press on February 22, 2014 in Mexico City. The Sinaloa cartel leader - the most wanted by US and Mexican anti-drug agencies - was arrested early this morning by Mexican marines at a resort in Mazatlan, northern Mexico. AFP PHOTO/Alfredo Estrella        (Photo credit should read ALFREDO ESTRELLA/AFP/Getty Images)

A primeira detenção de El Chapo o narcotraficante mexicano e líder do cartel de droga de Sinaloa, a 22 de fevereiro de 2014. Alfredo Estrella/AFP/Getty Images

A primeira fuga do poderoso líder do cartel de Sinaloa, Joaquín ‘El Chapo’ Guzman Loera, envolveu a manipulação de quase todas as pessoas do todo estabelecimento prisional onde se encontrava na altura.

‘El Chapo’ foi preso na Guatemala em 1993. Extraditado para o México, foi condenado a cumprir uma pena de 20 anos na prisão de alta segurança de Puente Grande, no Estado de Jalisco. A prisão foi palco para “festas e romances tórridos” ao ponto de ter estabelecido uma teia de corrupção, trunfo que o ajudou a escapar em janeiro de 2001, conta o Guardian. A versão oficial diz que se escondeu num carrinho de limpeza, passou por várias áreas da prisão e encaminhou-se para a saída vestindo um uniforme de guarda prisional.

Quando foi apanhado a 22 de fevereiro de 2014 num resort no México, El Chapo era o criminoso mais procurado pelo país e pelos Estados Unidos. E quando voltou a ser posto atrás das grades, a sua detenção foi considerada o maior golpe infligido ao narcotráfico no México em dez anos.

2. Como Frank Morris e os irmãos Anglin fugiram de Alcatraz

https://twitter.com/LeMondeHistoire/status/609044063229214720

A fuga de Frank Morris e dos irmãos Clarence e John Anglin ficou imortalizada no filme de Don Siegel “Os Fugitivos de Alcatraz” (1979), protagonizado pelo ator (e mais tarde realizador) norte-americano Clint Eastwood. O filme conta a história de como o trio fugiu da icónica prisão de Alcatraz, localizada numa ilha em São Francisco (Estados Unidos).

Detidos pelo assalto a um barco, os prisioneiros escavaram um túnel nas suas celas de cimento… utilizando colheres. Na noite da fuga, para despistar os guardas prisionais, deixaram na cama cabeças falsas feitas de papel higiénico, cabelo e sabão, conta a BBC. Depois, atravessaram o túnel e fugiram num barco insuflável. Nunca mais foram encontrados. Há quem diga que ainda estão vivos, e se for esse o caso, têm cerca de 80 anos.

3. A fuga de Pablo Escobar da “Catedral”

BOGOTA, COLOMBIA - SEPTEMBER 6:  An image taken 06 September 1989 from Colombian television of a wanted advertisement for Medellin drug cartel leaders Pablo Escobar and Gonzalo Rodriguez.  (Photo credit should read CARLOS LEMA/AFP/Getty Images)

Imagem tirada a 6 de setembro de 1989 de uma emissão da televisão colombiana. Trata-se de um aviso de recompensa para quem encontrar os líderes do cartel de droga Medellin: Pablo Escobar Gonzalo Rodriguez

Esta é a história de como o famoso traficante de droga colombiano Pablo Escobar fugiu da prisão em 1992. Esteve em fuga 17 meses até ter sido morto num tiroteio em Medellin. Durante esse período cerca de 500 homens foram questionados sobre o seu desaparecimento.

A prisão era conhecida por “A Catedral”. Pablo Escobar escapou com nove dos seus homens quando o estabelecimento decidiu transferi-lo para outra prisão em vez de o extraditar para os Estados Unidos. Tinha sido descoberto que o cabecilha do cartel de Medellin continuava a liderar o seu cartel a partir da prisão, recebendo visitas e usufruindo de vários luxos.

Quando as autoridades chegaram ao lugar onde Escobar e seus homens tinham escapado, descobriram que estes tinham tomado quatro oficiais da justiça como reféns. Começou um tumulto e por entre a confusão, os prisioneiros escaparam por uma rede de túneis que eles próprios tinham mandado construir.

4. Escapar da prisão… de helicóptero 

View of the yard of the penitentiary of Santiago, Chile on August 13, 2014. Wearing three-piece suits and carrying bibles, a group of evangelists are reforming Chilean prisons. They claim their visits to prisoners have resulted in many conversions to evangelism and that the recidivism has decreased. AFP PHOTO/MARTIN BERNETTI        (Photo credit should read MARTIN BERNETTI/AFP/Getty Images)

Prisão chilena. Martin Bernetti/AFP/Getty Images

Aconteceu no Chile, corria o ano de 1996. Quatro membros da organização terrorista de extrema-esquerda chilena Frente Patriótica Manuel Rodríguez, fugiram da prisão de alta segurança de helicóptero. A fuga aconteceu em 58 segundos quando os prisioneiros se encontravam no recreio ao ar livre.

Depois de uma troca de disparos com os guardas, subiram para um cesto que entretanto o helicóptero lançara e escaparam até ao centro de Santiago, desaparecendo depois em veículos particulares. Dois dos prisioneiros, Ricardo Palma e Mauricio Hernández, estavam condenados a pena perpétua pelo assassínio do senador Jaime Guzmán. Pedro Ortiz e Pablo Muñoz estavam presos por outros crimes.

5. Os sete que fugiram do Texas e inspiraram um documentário do National Geographic

No ano 2000, sete prisioneiros escaparam da prisão de segurança máxima Connally Unit no estado do Texas. Tratavam-se de Joseph García, Donald Newbury, George Rivas, Larry Harper, Patrick Murphy, Randy Halprin e Michael Rodríguez, que cumpriam penas que iam dos 30 anos à prisão perpétua. O grupo estava associado a um roubo cometido em Dallas, onde um polícia foi fatalmente atingido.

Sete cabeças pensam melhor que uma e neste caso, todos planearam a fuga. Como? Vestidos de civis e de funcionários da prisão. Depois de escapar, cometeram vários roubos nos dias seguintes, mas foram recapturados em janeiro de 2001. A esta fuga foi dedicado um especial do programa “American’s most wanted” e um documentário da National Geographic.

6. Fugiu da prisão e depois escreveu um livro

https://twitter.com/gonzalezperfect/status/598530999627227136

O livro chama-se “The 10-Second Jailbreak: The Helicopter Escape of Joel David Kaplan”, foi escrito em 1973 e inspirou o filme “Breakout” (1975) com o ator norte-americano Charles Bronson.

O norte-americano David Joel Kaplan, fugiu da prisão de Santa Martha no México num helicóptero que pousou no pátio da prisão, com a ajuda do seu cúmplice Carlos Contreras. O veículo voava a baixa altitude e lançou-lhe uma escada para que pudesse subir a bordo. Desapareceu e a escreveu o livro para contar a proeza.