Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte, e Moon Jae-in, presidente da Coreia do Sul, vão encontrar-se para uma cimeira esta sexta-feira. E o Japão tem um grande problema com este encontro: e não tem nada a ver com a geopolítica internacional. Tem a ver com uma sobremesa. O Japão pediu à Coreia do Sul que repense a sobremesa que planeia servir na cimeira, já que a mousse de manga em questão apresenta um mapa da península coreana — incluindo ilhas que são ocupadas pela Coreia do Sul mas cuja soberania o Japão contesta.

A mousse – apelidada de “Primavera do Povo” na imagem publicitária — apresenta as ilhas conhecidas como Takeshima, no Japão, e Dokdo, na Coreia do Sul. Os territórios ficam a meio caminho entre os dois países, ao largo do Mar do Japão, que Seul trata como Mar de Leste. Uma porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros japonês, citada pelo The Guardian, anunciou esta quarta-feira que o Governo do país “pediu que a sobremesa não seja servida, já que é extremamente lamentável”.

Uma situação semelhante aconteceu durante os Jogos Paralímpicos da Coreia do Sul, em março, quando apoiantes sul-coreanos utilizaram bandeiras com um mapa parecido àquele representado na mousse. A relação entre as duas Coreias e o Japão tem sido constantemente afetada por disputas territoriais e os efeitos da colonização japonesa da península na primeira metade do século XX.

[Veja no vídeo os detalhes, pensados ao pormenor, do encontro das duas Coreias]

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, vai atravessar a fronteira com a Coreia do Sul na sexta-feira, naquele que será um marco histórico. É a primeira vez que um líder norte-coreano visita o país vizinho desde o fim da Guerra da Coreia, em 1953.

Num anúncio feito recentemente, e de acordo com a BBC, o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, vai encontrar-se pessoalmente com Kim Jong-un às 9h30 (00h30 hora de Lisboa). Kim será acompanhado por uma delegação de nove funcionários, entre os quais se encontra a irmã, Kim Yo-jong, que liderou a delegação do Norte nos Jogos Olímpicos de Inverno.

[Veja no vídeo os detalhes pensados ao pormenor no encontro entre as Coreias]