Uma onda de calor está a atravessar a Europa e parece que um verão muito quente chegou mesmo para ficar. Pelo menos até ao início da próxima semana. Já em Portugal, as nuvens continuam a esconder o sol. Resta-nos ver a Europa a viver o seu calor — que deve começar a substituir as baixas temperaturas e o céu cinzento no nosso território a partir desta quarta-feira.

21 fotos

Ao longo da próxima semana, os termómetros de várias cidades europeias vão registar temperaturas que podem ultrapassar os 40ºC. Vários países podem mesmo registar temperaturas inéditas por causa desta massa de ar quente, proveniente do Saara.

Em Espanha, as autoridades aconselharam as pessoas a não sair de casa. Dez províncias espanholas estão em alerta laranja. No fim de semana, o alerta pode mesmo passar a vermelho — prevê-se que as temperaturas no país cheguem aos 44ºC. Não é o único país a recomendar alguns cuidados. Perante esta onda de calor sem precedentes nesta altura do ano as autoridades de vários países pedem à população para se manter dentro de casa com as janelas fechadas, evitar bebidas alcoólicas e exercício físico e, claro, beber muita água.

Em França, cerca de 50 escolas da zona de Paris fecharam esta quarta-feira por falta de ar condicionado e quase todo o país está agora em alerta laranja — o segundo mais elevado, noticia a BBC. Os meteorologistas preveem temperaturas recorde para esta semana. De acordo com o The Guardian, a temperatura mais alta registada no país foi de 44.1ºC, durante uma onda de calor em agosto. Até sexta-feira, a “canicule” (onda de calor) pode levar as temperaturas a atingir os 45º C. “As últimas previsões meteorológicas não deixam dúvidas: estamos à beira de um novo recorde nacional”, afirmou o meteorologista francês Guillaume Woznica.

E o mesmo pode acontecer um pouco por toda a Europa. Nenhuma das grandes capitais, como Roma, Berna ou Atenas, ficará abaixo dos 30ºC esta semana. Berlim, por exemplo, pode chegar aos 37ºC esta quarta-feira. Nem mesmo países como Suécia e Noruega parecem escapar à onda de calor.

Já na manhã desta quarta-feira, os termómetros atingiram os 31ºC em Paris e também em Roma, de acordo com o ABC. Às altas temperaturas, acresce um elevado nível de humidade — que faz as temperaturas parecerem ainda mais altas. Por cá, as temperaturas não deverão ir além dos 30ºC.

E no Reino Unido o sol também teima em não brilhar. Na verdade, o país está a ser atingido por várias tempestades torrenciais — que também se devem à massa de ar quente. Segundo o The Telegraph, as autoridades emitiram alertas para o perigo de inundações.